Notícia

Gazeta Mercantil

Incentivo a cidades turísticas

Publicado em 05 outubro 2001

Por Ana Lúcia Abranches - de São José dos Campos - aabranch@gazetamercantil.com.br
Aparecida, Campos do Jordão, Cunha, cidades do Vale Histórico e mais as litorâneas são fortes candidatas a receberem os recursos da nova agência de fomento ao turismo, órgão que seria ligado à Secretaria de Ciência, Tecnologia e Desenvolvimento Econômico, após a extinção da Secretaria de Esportes e Turismo. A nova pasta ainda será criada pelo governo. O objetivo é estimular a geração de renda e emprego nos municípios com vocação turística. De acordo com o secretário estadual de Ciência, Tecnologia e Desenvolvimento Econômico, Ruy Altenfelder, o governo entende o turismo como uma alavanca para o desenvolvimento econômico e social. "Por isso, a área ficará ligada a esta pasta. Queremos realizar uma interação com as universidades para criação ou ampliação dos cursos de turismo e ampliar as parcerias com a Fapesp e o IPT. A idéia é dar um passo maior ao que já vinha sendo feito". Nos próximos 20 dias, o governo deve apresentar à Assembléia Legislativa um projeto de lei que cria a agência de fomento ao turismo. Já foi criado um grupo de trabalho formado por secretários do Estado e integrantes da iniciativa privada que estudam o melhor modelo para a agência. A expectativa é que a agência funcione no início de 2002. LITORAL NORTE Enquanto isso, a secretaria dará prosseguimento aos projetos encaminhados pela antiga Secretaria de Esportes e Turismo. Entre os projetos em fase de estudo estão os recursos para a pavimentação de ruas em Aparecida e também a reestruturação da entrada da cidade. Outros projetos estão em avaliação junto ao Departamento de Apoio ao Desenvolvimento das Estâncias (Dade), referentes a obras nas cidades do Litoral Norte. Dentro do projeto de incentivo ao turismo, o governo de Estado prioriza recursos para recuperação de rodovias e readequação da malha viária não sob concessão de São Paulo. A duplicação da Rodovia dos Tamoios, que liga São José dos Campos a Caraguatatuba é uma delas. Um total de US$ 120 milhões serão aplicados pelo governo em obras nas estradas estaduais. Outros US$ 120 milhões estão sendo negociados junto ao Banco Interamericano de Desenvolvimento (BID).