Notícia

Pindavale

IBM premia pesquisas

Publicado em 19 outubro 2011

Agência FAPESP – Carlos Humes Junior, professor do Departamento de Ciência da Computação do Instituto de Matemática e Estatística (IME) da Universidade de São Paulo (USP), e dois estudantes de pós-graduação receberão auxílios à pesquisa da IBM no Brasil por trabalhos nas áreas de matemática e computação.

Humes Junior foi um dos selecionados no IBM Faculty Award 2011 pelo projeto “Modelos matemáticos para a indústria de serviços”. As distinções foram anunciadas em cerimônia no dia 5 de outubro, em São Paulo.

Baseado em estudos que Humes Junior iniciou na década de 1970, durante doutorado na Universidade da Califórnia em Berkeley, nos Estados Unidos, o projeto visa aplicar modelos matemáticos para otimizar operações de redes de computadores e de sistemas nas indústrias de serviços, como em bancos e call centers, por exemplo.

“Essas questões foram estudadas fortemente na década de 1970 e estão retornando com força agora. Pretendemos continuar realizando pesquisas nessa área usando um pouco da minha experiência em aplicações de teoria da otimização em redes de computadores e de sistemas”, disse Humes Junior à Agência FAPESP.

Por sua vez, Julio Cezar Silveira Jacques Junior, doutorando do Programa de Pós-Graduação em Ciência da Computação da Faculdade de Informática da Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul, e Juliana Bezerra, doutoranda da Divisão de Ciência da Computação do Instituto Tecnológico de Aeronáutica (ITA), foram escolhidos para receber o IBM Ph.D Fellowship Award 2011 por suas pesquisas, respectivamente, sobre “Segmentação humana em imagens fixas” e “Comunidades virtuais auto-organizadas: mecanismos de resposta a conflitos e de motivação.

Segundo a IBM do Brasil, o IBM Faculty Award premia anualmente professores de “universidades renomadas em todo o mundo que atuam na criação de ciência e tecnologia que tornem o mundo mais inteligente”. O prêmio tem por objetivo estimular a colaboração entre a academia e a indústria, em áreas de interesse estratégico da IBM.

O processo de seleção envolve projetos apresentados por centenas de professores pertencentes às melhores universidades do mundo, e o recebimento do auxílio é o reconhecimento da relevância e provável impacto da pesquisa do professor agraciado, segundo a empresa.

Já o IBM Ph.D. Fellowship é uma bolsa direcionada a doutorandos que realizam estudos sobre questões que contribuam para a solução de problemas de interesse da empresa e que representem contribuições científicas significativas para as áreas de ciência da computação, engenharia elétrica e de materiais, ciências físicas, matemática e ciência de serviços.

As bolsas são concedidas anualmente para doutorandos com atuação acadêmico-científica de destaque em todo o mundo, selecionados por meio de um processo global de seleção altamente competitivo.

O auxílio e as bolsas foram entregues durante o primeiro Colóquio Técnico-Científico realizado pela empresa pela primeira vez no Brasil como parte da celebração de seu centenário.

Promovido pelo laboratório brasileiro da divisão de pesquisa da companhia, o evento foi dedicado à principal linha de pesquisa do laboratório – a exploração de recursos naturais, em especial, petróleo e gás, recursos minerais e agricultura.