Notícia

Diário de Sorocaba online

Historiador lança hoje livro de mistério, suspense e aventura

Publicado em 21 janeiro 2016

Historiador e escritor, o professor Daniel Vilela realiza nesta quinta-feira (21), a partir das 18 horas, sessão de autógrafos para marcar o lançamento de seu novo livro, intitulado “Em Nome Del Rei - A Batalha de Alcácer-Quibir”, em Sorocaba, no Iguatemi Esplanada Shopping, na loja da Saraiva Mega Store. Daniel Vilela é autor de livros de ficção e de não-ficção. Obteve bolsa de estudos da Fapesp (Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo) e frequentou disciplinas de pós-graduação na USP (Universidade de São Paulo) e na UFSCar (Universidade de São Carlos). Foi professor de História na região de Sorocaba e atualmente, além de continuar a produção literária e pesquisas, é também executivo público do Estado. Outros livros de sua autoria já publicados são “Utopias Esquecidas. Origens da Teologia da Libertação” (não-ficção) e “Sob o Sangue dos Hereges” (ficção).

Em “Em Nome Del Rei – A Batalha de Alcácer-Quibir”, Daniel narra as aventuras e as inquietações espirituais de dois amigos, Abelardo e Lourenço. Enquanto o combatente cristão Abelardo está no noroeste da África a esperar as tropas do Rei Sebastião e a lutar contra os mouros inimigos, o jesuíta Lourenço investiga o paradeiro de seu amigo a partir de Portugal. A história se passa em 1578, ano da Batalha de Alcácer-Quibir. Enquanto os dois personagens enfrentam mistérios, perigos e eventos sobrenaturais, suas memórias, em flashbacks, também são reveladas e inusitadas reviravoltas ocorrem.

Na trama, o combatente Abelardo decide abandonar o litoral da nova terra para se juntar às tropas do Rei Sebastião no norte da África, enfrentando não apenas soldados inimigos, mas também estranhos fenômenos e mistérios. Enquanto isso, o jesuíta Lourenço investiga o paradeiro de seu velho amigo, colocando a sua coragem, sua esperança e sua fé à prova.

Trata-se, como acrescenta o autor, de um livro de mistério, suspense e aventura. A história se passa em 1578, ano da Batalha de Alcácer-Quibir. “Lugares lendários, como o Jardim das Hespérides, mistérios, eventos sobrenaturais, flashbacks, sonhos enigmáticos e reviravoltas tornam a leitura mágica e cheia de suspense”.