Notícia

Folha de S. Paulo (Ribeirão Preto)

Hemocentro deve ganhar instituto de células-tronco

Publicado em 25 novembro 2008

O Hemocentro de Ribeirão Preto, ligado ao HC (Hospital das Clínicas), deve receber R$ 7,1 milhões para implantar um instituto de pesquisa de células-tronco. A Folha apurou que ele está entre as instituições escolhidas para receber o recurso.

O anúncio oficial deve ser feito na quinta-feira, pelo Ministério da Ciência e Tecnologia. O Instituto Nacional de Células-Tronco e Terapia Celular, como deve chamar o instituto em Ribeirão Preto, irá funcionar como uma rede, integrando especialistas em Ribeirão, São Paulo, Rio de Janeiro, Belém e Pirassununga.

Ao todo, o CNPq (Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico), ligado ao ministério, deve liberar R$ 520 milhões para a criação dos institutos de pesquisa em todo o país.

Outros R$ 70 milhões serão investidos pela Fapesp (Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo).

Segundo a assessoria do CNPq, 261 instituições enviaram proposta para receber a verba. A assessoria não confirmou o nome do Hemocentro e disse que a lista será divulgada somente na quinta-feira.