Notícia

Gazeta Mercantil

Gestores analisam capital de risco

Publicado em 19 abril 2001

Por Fideo Miya - de São Paulo
O estágio atual dos investimentos de "venture capital" e as oportunidades de negócios no mercado brasileiro serão discutidos hoje por representantes de cerca de 50 investidores de capital de risco em empresas emergentes com potencial de rápido crescimento, durante seminário promovido no Hotel Maksoud Plaza pela Finep (Financiadora de Estudos e Projetos), agência do Ministério da Ciência e Tecnologia, em conjunto com a Fapesp ("Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo) e as associações brasileiras de Capital de Risco (ABCR) e de Companhias Abertas (Abrasca), com o apoio da GAZETA MERCANTIL. O cenário do capital de risco nos Estados Unidos e possíveis impactos no Brasil após as severas perdas impostas aos investidores pelas sucessivas desvalorizações das ações de empresas de alta tecnologia listadas na bolsa eletrônica Nasdaq serão analisados pelo diretor da Darby Technology Group, Peter Jones. O seminário, que será aberto às 9 horas pelo ministro Ronaldo Sardenberg, da Ciência e Tecnologia, faz parte da terceira edição do Venture Fórum Brasil, que começou ontem com reuniões fechadas, nas quais 16 empreendedores apresentaram seus projetos nas áreas de tecnologia da informação, telecomunicações, biotecnologia, saúde e meio ambiente a 45 administradores de fundos de capital de risco em busca de oportunidades de investimento. Segundo Luciane Gorgulho, superintendente de desenvolvimento institucional em capital de risco da Finep, as 16 empresas foram selecionadas pela agência entre um grupo de 300 que se cadastraram no Portal Capital de Risco Brasil (www.venturecapital.com.br) porque têm projetos com tecnologia diferenciada, capacidade de gestão e potencial de crescimento acelerado. Entre os investidores estão representantes de companhias como a Intel e a Rational Software é de fundos de "venture capital", como GP Investimentos, CRP (Companhia Riograndense de Participações), GE Capital Eccelera, BankBoston e Santander. Hoje, o diretor da The Capital Network, Paulo Myers, falará sobre o Venture Fórum como catalisador do mercado de capital de risco. O diretor da UBS Capital America, Luiz Spínola, coordenará um painel sobre o tema "Quem está investindo em capital de risco no Brasil", com a participação de outros sete gestores de fundos, entre eles o diretor do GP, Denis Jungerman, e o presidente da Eccelera, Pedro Cordeiro.