Notícia

Portal Exame

Gestantes devem passar por mais de um teste para presença do Zika

Publicado em 03 outubro 2017

Por Karina Toledo, da Agência FAPESP
Testes moleculares para detecção do vírus Zika – que permitem identificar o material genético do patógeno em fluidos como sangue, urina, sêmen e saliva durante a fase aguda da infecção – têm sido usados rotineiramente no pré-natal de gestantes com sintomas da doença. Apesar disso, um novo estudo sugere que o resultado negativo obtido em um único exame pode não ser suficiente para tranquilizar familiares e médicos. Feito no Brasil, o trabalho será publicado em novembro na revista Emerging Infectious Diseases. [...]

Conteúdo na íntegra disponível para assinantes do veículo.