Notícia

Gazeta de Alagoas online

Fungos se reproduzem com células do mesmo sexo, diz estudo

Publicado em 14 agosto 2009

Uma pesquisa realizada nos Estados Unidos descobriu que, sob certas circustâncias, a reprodução sexual do Candida albicans - espécie de fungo que vive comumente na boca e no sistema digestivo humano - pode ocorrer entre células do mesmo sexo. Esse modo de reprodução ocorre na falta de um gene específico que codifica uma enzima, a protease Bar1. As informações são da agência Fapesp.

Anteriormente, achava-se que os fungos que causam infecções fossem estritamente assexuados, mas estudos demonstraram a reprodução sexual entre células de sexos diferentes. Em excesso, esse tipo de levedura se torna patogênico, causando infecções como a candidíase.

Segundo Kevin Alby e colegas do Departamento de Microbiologia e Imunologia Molecular da Universidade Brown, a reprodução entre células do mesmo sexo se mostrou menos eficiente do que entre exemplares de sexos opostos.

Mas o processo entre células do mesmo sexo, além de facilmente detectável, mostrou-se preferível em diversos casos analisados, de acordo com a pesquisa.

O artigo "Homothallic and heterothallic mating in the opportunistic pathogen Candida albicans", foi publicano na revista Nature.