Notícia

Folha de S. Paulo

Fundamentos da teoria política de Rousseau

Publicado em 27 outubro 2012

Por Oscar Pilagallo
A lenda do “bom selvagem”, de Jean-Jacques Rousseau (1712-1778), faz referência à bondade natural do homem, e não à bondade moral. A diferença é abordada por Rolf Kuntz em sua dissertação de mestrado sobre o pensamento político do filósofo iluminista. Kuntz lembra que, “no estado da natureza, nenhuma qualificação moral tem sentido”. Para Rousseau, a bondade natural tem a ver com a relação espontânea entre o homem e “a totalidade criada por Deus”, enquanto a bondade moral é definida pela relação entre os homens e [...]

Conteúdo na íntegra disponível para assinantes do veículo.