Notícia

Agência Gestão CT&I

Fundação lança chamada para cientistas brasileiros trabalharem com pesquisadores estrangeiros

Publicado em 18 junho 2014

A Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo (Fapesp) abre a chamada de propostas 1/2014 para o programa São Paulo Researchers in International Collaboration (Sprint), que se propõe a ampliar a cooperação de pesquisadores da unidade federativa com correlatos estrangeiros. As propostas devem ter duração máxima de 24 meses, não renováveis. Os interessados podem se inscrever até o dia 28 de julho.

Há duas modalidades diferentes de apoio. Uma diz respeito aos pesquisadores cujas instituições de vínculo têm acordo com a Fapesp. Nestes casos, há editais específicos para cada uma das instituições ofertadas: University of North Carolina Charlotte (Estados Unidos), BAYLAT/ StMWFK (Alemanha), University of Sidney (Austrália) e Heriot-Watt (Reino Unido).

 

Para os casos em que o pesquisador estrangeiro não é de instituição parceira da Fapesp, a FAP paulista irá analisar a proposta e a disponibilidade do pesquisador. Caso aprovado, o projeto poderá receber até US$ 10 mil por ano, durante até dois anos. Nesta modalidade, poderão ser contempladas até cinco pesquisas.

 

Áreas de interesse

 

Para a University of North Carolina Charlotte, estão abertas oportunidades nas áreas de Ciência, Tecnologia, Engenharia e Matemática. A alemã BAYLAT/StMWFK abre vagas em qualquer área do conhecimento, assim como na australiana University of Sidney. Já na britânica Heriot-Watt, há possibilidades de parceria nas áreas de Energia, Saúde Pública/Alimentação e Meio Ambiente.

Para mais informações, acesse a íntegra do edital: www.fapesp.br/8620.

 

(Agência Gestão CT&I, com informações da Fapesp)