Notícia

Correio Braziliense

FUGA DE CÉREBROS - Ciência como forma de desenvolver a economia

Publicado em 15 abril 2001

Cientista no Brasil é artigo raro. De cada mil trabalhadores do país, apenas um se dedica ao setor de pesquisa e tecnologia. É um número cinco vezes menor do que a média mundial. Justamente por isso, o país não pode se dar ao luxo de perder esses talentos. Mas o que deve ser feito para melhorar a situação? Para alguns especialistas, não perder o bonde do momento, como tantas outras vezes já foi feito, é o primeiro passo. "O novo desafio da ciência é apresentar soluções tecnológicas para os grandes problemas do mundo. Podemos [...]

Conteúdo na íntegra disponível para assinantes do veículo.