Notícia

A Crítica (AM)

FÓRUM DISCUTE PRODUÇÃO CIENTÍFICA

Publicado em 25 setembro 2003

O Fórum Nacional das Fundações Estaduais de Amparo à Pesquisa que ocorre hoje e amanhã (25 e 26) em Manaus (AM) marca uma nova etapa para a política brasileira de ciência e tecnologia. A afirmação é do presidente da Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado do Amazonas (FAPEAM), José Aldemir de Oliveira, anfitrião do encontro, que acontece no Tropical Hotel, pela manhã e a tarde, Para Oliveira, dois aspectos relevantes serão discutidos na reunião do fórum, o primeiro diz respeito a parceria Governo Federal Governos Estaduais na área de C&To que possibilita a discussão ampliada e uma revisão crítica sobre as condições atuais de acesso e da produção científica e tecnológica, O segundo, refere-se a maior inserção dos pesquisadores das regiões Norte e Nordeste no ranking da produção nacional nessa área, assegurando participação mais igualitária na distribuição dos recursos financeiros. A parceria proposta é, na opinião de José Aldemir, um momento novo experimentando pelo País e que gera condições positivas para a elaboração de uma política em C&T comprometida com as exigências formuladas tanto no âmbito governamental quanto pela sociedade. "Tornar esse espaço eficiente e pró-ativo é uma tarefa nossa e um dos pontos importante que o Fórum das FAPs estará discutindo", diz Dentro dessa nova concepção, a Fapeam lançará, na próxima semana, editais no valor de R$5 milhões destinados a financiar grupos de pesquisa no Amazonas. É um reforço, ressalta Oliveira, significativo para área no âmbito estadual. PROGRAMA O presidente da Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo (FAPESP) e do Fórum Nacional das FAPs, Francisco Romeu Landi, participa, pela manhã, da abertura do encontro e da assinatura de convênios. A Fapes uma das mais importantes e tradicionais fundações do País. Amanhã, ele conversará com jornalistas sobre a situação das FAPs no Brasil e participará de debate sobre o tema "Avaliação da Política Integrada do MCT com os Estados e discussão dos Planos de Ação Integrada (PAIs) para 2004.