Notícia

FAPEMA - Fundação de Amparo à Pesquisa e ao Desenvolvimento Científico e Tecnológico do Maranhão

Fórum Confap reúne representantes de FAPs de 25 Estados em SP

Publicado em 09 março 2017

Agência FAPESP – Representantes das Fundações de Amparo à Pesquisa (FAPs) de 25 estados e do Distrito Federal estarão reunidos na sede da FAPESP, em São Paulo, nos dias 9 e 10 de março, para a primeira edição em 2017 do Fórum do Conselho Nacional de Fundações Estaduais de Amparo à Pesquisa (Confap).

No encontro, gestores e pesquisadores de diferentes instituições de fomento debaterão o financiamento à pesquisa no Brasil e as possibilidades de cooperação internacional.

Participarão da cerimônia de abertura, os presidentes da FAPESP e do Confap, respectivamente, José Goldemberg e Sérgio Gargioni, o vice-governador e secretário de Desenvolvimento Econômico, Ciência e Tecnologia de São Paulo, Márcio França, o secretário de Políticas e Programas de Pesquisa e Desenvolvimento do Ministério da Ciência, Tecnologia, Inovação e Comunicações, Jailson Bittencourt de Andrade, e os presidentes do Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq) e da Financiadora de Estudos e Projetos (Finep), respectivamente, Mário Neto Borges e Marcos Cintra Cavalcanti de Albuquerque, entre outras autoridades e representantes de instituições estaduais e federais.

Logo após a cerimônia de abertura haverá a assinatura do Termo Aditivo ao Memorando de Entendimento entre a Fundação Bill & Melinda Gates (FBMG) e o Confap. O entendimento diz respeito ao programa Grand Challenges Explorations (GCE), lançado em 2008 com a proposta de transformar ideias inovadoras em soluções para graves problemas mundiais. O GCE já apoiou 2.035 projetos em 87 países, 36 deles no Brasil.

O objetivo do documento é prolongar o prazo de vigência e incluir as FAPs na parceria. O documento será assinado por Sérgio Luiz Gargioni, presidente do Confap, e Alexandre Menezes, vice-presidente da Global Health Strategies Brasil e representante de Trevor Mundel, presidente do Programa de Saúde Global da FBMG.

Os projetos selecionados recebem US$ 100 mil do programa, ao longo de 18 meses, para colocar a proposta em prática. Os projetos brasileiros aprovados recebem, além do apoio da Fundação Bill & Melinda Gates, recursos adicionais da FAP do estado do pesquisador, de US$ 50 mil a US$ 100 mil. Se a proposta, depois de implementada, for bem-sucedida, é possível se inscrever para um financiamento adicional de US$ 1 milhão do programa.

Em seguida, o diretor-presidente da FAPESP, Carlos Américo Pacheco, vai apresentar a palestra “CTI no Mundo e a atuação da FAPESP como fomentadora da pesquisa em São Paulo”.

As demais atividades serão reservadas apenas aos representantes das FAPs e demais instituições convidadas. Na parte da tarde do dia 9, o presidente da Confap e Maria Zaira Turchi, presidente da Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de Goiás (Fapeg), vão conduzir a mesa-redonda “Fomento à Pesquisa no Brasil”, com a participação de representantes das agências de fomento federais e internacionais, além da discussão sobre o planejamento para 2017.

O Fórum ocorre um dia após o seminário privado Infoday – Informação e Diálogo com a Comissão Europeia, que reunirá os representantes das FAPs com autoridades da Europa na área de Ciência, Tecnologia e Inovação para discutir o financiamento conjunto de pesquisas entre instituições brasileiras e europeias.

Alguns participantes do Infoday estarão presentes também na abertura do Fórum Confap, como João Gomes Cravinho, embaixador da União Europeia no Brasil, Alejandro Zurita, chefe da Seção de C&T&I da delegação da União Europeia no Brasil, Luciana da Silva Santos, da direção geral de Pesquisa e Inovação da Comissão Europeia, e Laura Maragna, do Setor de C&T&I da delegação da União Europeia no Brasil. Também participarão Charlotte Grawitz, representante nacional da EURAXESS Brazil, e Ana Rossetto, representando a Sociedade Portuguesa de Inovação (SPI).

No dia 10 de março, também em caráter privado, será realizada a eleição da nova diretoria do Confap para os próximos dois anos, até fevereiro de 2019. Como parte do Fórum, os participantes farão ainda uma visita ao Centro de Inovação, Empreendedorismo e Tecnologia (Cietec), incubadora de empresas tecnológicas instalada no Instituto de Pesquisas Energéticas e Nucleares (Ipen), na Cidade Universitária da USP, a fim de conhecer algumas das pesquisas realizadas por empresas com o apoio FAPESP.

Para participar da abertura do Fórum Confap inscreva-se no endereço www.fapesp.br/eventos/aberturaconfap2017/inscricoes