Notícia

FINEP - Financiadora de Estudos e Projetos

Finep participa de colóquio internacional sobre pesquisa aplicada na FGV

Publicado em 20 agosto 2019

O presidente da Finep, General Waldemar Barroso Magno Neto, participou hoje (20/8) do V Colóquio de Pesquisa Aplicada da FGV , no Rio de Janeiro. Ele foi um dos palestrantes da sessão com o tema “Avaliação e Mensuração de Impactos de Pesquisa: Sociais, Econômicos, Culturais e Ambientais”.

Na ocasião, o presidente apresentou uma amostra de projetos de impacto apoiados pela financiadora em seus 52 anos de existência. “Mais de 95% das universidades públicas brasileiras receberam apoio da Finep”, frisou, lembrando ainda que a Finep é a única instituição do Brasil a ter instrumentos de apoio a todas as etapas do desenvolvimento de um novo negócio, para empresas de todos os portes. “Mais de 3.500 MPMEs (micro, pequenas e médias empresas) inovadoras foram apoiadas desde 2004”, complementou.

O General também falou sobre um grande projeto em curso na financiadora para avaliação de resultados e impactos do apoio da Finep. Um dos frutos será o SIA – Sistema Integrado de Avaliação, que permitirá um monitoramento mais eficiente dos resultados gerados pelos projetos inovadores apoiados. Durante o piloto, mais de quatro mil projetos encerrados até 2015 foram analisados e o material serviu de base para a criação de novos indicadores que passarão a ser usados pela equipe da Finep já a partir de agosto. A nova metodologia de avaliação tem 17 temas divididos em quatro dimensões: contribuições ao desenvolvimento nacional; fortalecimento da base de pesquisa do país; cultura da inovação; e inteligência do fomento. "Nossa intenção é, a partir desses novos indicadores, melhorar o emprego dos recursos públicos em inovação", disse o General.

Também fizeram parte da mesa o Presidente da Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo (FAPESP), Prof. Marco Antonio Zago, a diretora do escritório da América Latina da agência de amparo à pesquisa alemã DFG - German Research Foundation, Dr. Kathrin Winkler, a diretora da European & International team and Strategic Lead on GCRF da Universidade de Oxford, Gill Wells, e o assessor da presidência da Capes Adalberto Grassi.

O colóquio, que continua amanhã (21/8), conta com representantes do governo federal do Brasil, órgãos de fomento à pesquisa, pesquisadores de universidades e think tanks nacionais e estrangeiros. Também fazem parte da programação debates sobre a cooperação Brasil-União Europeia em pesquisa e inovação e o Novo Programa Europeu, avaliação das políticas públicas na área de Educação e Segurança Pública e regulação da proteção de dados pessoais em pesquisa.