Notícia

Andifes

Fim de Semana com Einstein

Publicado em 14 outubro 2008

Por Danielle Sousa

A revista Pesquisa FAPESP e o Instituto Sangari organizam uma série de palestras e debates complementares à exposição Einstein, que segue até o dia 14 de dezembro no Parque do Ibirapuera, em São Paulo. Em linguagem simples, acessível a um público amplo, físicos e especialistas de outras áreas – cinema, sociologia, filosofia, neurologia e história da ciência, entre outras – vão falar sobre as idéias de Albert Einstein e suas implicações em outros campos, nas tardes de sábado (15h) e nas manhãs de domingo (11h), no auditório que integra a exposição. A entrada é gratuita.

Nos sábados, as mesas-redondas exploram o tema O tempo em dois tempos. Nelas, um físico e um pesquisador das ciências humanas falam e conversam sobre a noção do tempo e do espaço em suas respectivas especialidades. Aos domingos, na série Muito além da relatividade, físicos e escritores especializados em física do Brasil e do exterior abordam aspectos pouco conhecidos sobre a vida, o contexto histórico ou a obra de Einstein.

As inscrições podem ser feitas no site www.einsteinbrasil.com.br e a programação do evento está disponível em www.revistapesquisa.fapesp.br

Confira a programação para o próximo fim de semana:

Sábado, 18 de outubro, 15h

"Espaço, tempo e éter na teoria da relatividade", Roberto Martins, físico, historiador da ciência e professor da Unicamp.

Roberto Martins falará sobre as diferenças entre os conceitos de espaço e tempo absolutos, sua relação com a concepção de um éter que preencheria todo o espaço, as mudanças ocorridas nos conceitos de espaço e tempo na teoria da relatividade especial, a postura de Einstein frente ao éter na fase da teoria da relatividade especial, depois sua mudança de atitude, quando foi criada a relatividade geral, e seu retorno ao éter em 1920.

Domingo, 19 de outubro, 11 horas

"A preparação de Einstein para o seu ano miraculoso", Carlos Alberto dos Santos, físico, professor da UFRGS e colunista de Ciência Hoje Online

Carlos Alberto dos Santos mostrará o longo caminho que Einstein percorreu para chegar ao seu Ano Miraculoso (1905), quando publicou artigos científicos que mudariam a física. Não foi obra de uma genialidade momentânea, mas de uma trajetória intelectual que começou aos 4 ou 5 anos quando o menino Albert admira o comportamento de uma bússola – aos 12, demonstra, sozinho, o Teorema de Pitágoras.