Notícia

O Estado de S. Paulo

Filhos de jovens usuárias de maconha são mais estressados

Publicado em 28 abril 2007

Por Giovana Girardi
Pesquisa conduzida por especialistas da Unifesp detectou que bebês expostos a drogas são mais inquietos, desatentos e menos sensíveis a estímulos externosA idéia popular entre jovens e adolescentes de que fumar maconha não faz mal nenhum pode estar colocando em risco não somente a saúde mental deles, mas a de seus filhos. Estudo brasileiro feito com bebês recém-nascidos de mães com média de idade de 16/17 anos que ingeriram a droga na gestação mostra que o consumo afeta o desenvolvimento neurológico do feto.A pesquisa, conduzida [...]

Conteúdo na íntegra disponível para assinantes do veículo.