Notícia

Gazeta de Piracicaba

Festival de Ciência

Publicado em 11 abril 2017

Você chega para um happy hour com os amigos num bar da cidade e se depara com vários cientistas falando sobre temas curiosos da atualidade e sobre como eles impactam sua vida. Cenário pouco provável? Não para quem participar do Pint of Science Brasil, um festival internacional de divulgação científica que este ano será realizado pela primeira vez em Piracicaba, nos dias 15, 16 e 17 de maio, com apoio da Gazeta de Piracicaba.

É como se fosseum grande festival de música, em que os artistas se apresentam simultaneamente em vários palcos a cada noite. Só que, nesse caso, os artistas são os pesquisadores e demais participantes convidados para conversar com o público. A iniciativa, que é formada por uma rede de voluntários, acontecerá simultaneamente em mais de 100 municípios espalhados por outros 10 países além do Brasil: Canadá, Reino Unido, Irlanda, Espanha, Itália, Austrália, Alemanha, Japão, Tailândia e França. Por aqui, 22 cidades sediarão o Pint. Durante as três noites do festival, a população da cidade poderá participar de 22 apresentações que acontecerão em três locais, simultaneamente: Pizzaria ForLen, Restaurante Monte Sul (Centro) e Babbo Giovanni Piracicaba.

A cada noite, de dois a três temas atuais serão discutidos em áreas tão diferentes comogenética, energia nuclear, fósseis, alimentação, nanotecnologia, mecânica e saúde. O evento é gratuito e as pessoas só pagarão o que consumirem nos locais em que ocorrerá cada bate-papo. Como não são realizadas inscrições ou reservas antecipadas, recomenda-se que as pessoas cheguem antes para garantir seu lugar. "Estamos com grandes expectativas para essa primeira edição em Piracicaba. A cidade é naturalmente um polo de ciência e tecnologia, com diversas universidades e institutos de pesquisa. Por isso, assuntos dessa natureza fazem parte do cotidiano população" afirma Fabiano Pereira, coordenador local do evento.

COMO TUDO COMEÇOU

A ideia surgiu quando dois pesquisadores do Imperial College London, Michael Motskin e Praveen Paul, organizaramum evento chamado Encontro com pesquisadores em 2012. Nesse encontro, pessoas acometidas por Alzheimer, Parkinson, doenças neuromusculares e esclerose múltipla foram convidadas para conhecer os laboratórios dos pesquisadores e ver de perto o tipo de pesquisa que realizavam. A experiência foi tão inspiradora que os dois decidiram propor uma iniciativa em que os pesquisadores poderiam sair de seus laboratórios para conversar diretamente com as pessoas.

Nasceu, assim, o Pint of Science, que rapidamente se espalhou pelo mundo. Em2015, o evento foi realizado pela primeira vez no Brasil pelo Instituto de Ciências Matemáticas e de Computação (ICMC) da USP, em São Carlos. EmPiracicaba, o Pint será realizado pelo Cena (Centro de Energia Nuclear na Agricultura), instituto especializado da USP presente no campus Luiz de Queiroz, e conta com diversos apoios e parcerias. Em âmbito nacional, o festival é patrocinado pela Pró- Reitoria de Pesquisa da USP, eScience Unicamp, Galoá e por quatro Centros de Pesquisa, Inovação e Difusão (CEPID), financiados pela Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo (FAPESP): o Centro de Ciências Matemáticas Aplicadas à Indústria; Centro de Pesquisa e Inovação em Biodiversidade e Fármacos; o Centro de Pesquisa, Educação e Inovação em Vidros; e o Centro de Pesquisa em Obesidade e Comorbidades.

MAIS INFORMAÇÕES Site do evento: pintofscience. com.br Evento no Facebook: https:// www.facebook.com/ events/151477428714613/ Assessoria de comunicação local: (19)99115.6375 e comunicacao@ cena.usp.br Assessoria de comunicação nacional: (16) 3373.8171 e pintcomunica@ gmail.com