Notícia

Canal 63

Fesp inicia projeto de criação de revista científica internacional

Publicado em 22 junho 2021

A Fundação Escola de Saúde Pública de Palmas (Fesp) deu mais um importante passo no processo de planejamento para a criação da revista científica da instituição, com a palestra "Revista Científica Internacional e Seus Desafios", ministrada nesta segunda-feira, 21, pelo professor Doutor Renato Paiva. O palestrante esclareceu dúvidas e começou a preparar a equipe do Núcleo de Pesquisa Aplicada à Saúde da Fesp (Nupes) para a implantação do periódico da Fundação.

A presidente da Fesp, Marttha Franco Ramos, lembrou que a instituição tem como uma de suas prioridades a inovação e a promoção do conhecimento científico em saúde, por meio dos seus programas de pesquisa e residência. "A revista científica que está sendo planejada vai estar integrada ao ambiente digital e será mais um importante meio para estimular a produção e a publicação de trabalhos acadêmicos dos pesquisadores locais, nacionais e internacionais", destacou.

O professor explicou que a revista deve ter a periodicidade mínima de 3 meses, com o número de publicações que giram em torno de 60 artigos científicos por ano, que devem ser, preferencialmente, traduzidos para a língua inglesa e possuir padronização visual. Além disso, "o mais importante é que esses artigos tenham aderência junto à sua área, conseguida por citações dos artigos publicados em outros trabalhos científicos", disse o acadêmico.

Doutor Renato Paiva é editor-chefe das revistas Ciência e Agrotecnologia e Plant Cell Culture & Micropropagation, com vasta experiência em editoração de trabalhos acadêmicos. Em sua apresentação, enfatizou que criar uma revista científica não é difícil, porém, o grande desafio é torná-la relevante na sua área de atuação, bem como em âmbito internacional. Para isso, é necessário seguir alguns requisitos impostos pelas coleções de revistas (indexadores), a exemplo da Scielo, criada e mantida pela Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo (FAPESP).

Essa notícia também repercutiu nos veículos:
Tocantins Diário