Notícia

Terra

Fapesp autoriza pesquisa sobre uso de ecstasy

Publicado em 05 julho 2007

A Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo (Fapesp) decidiu autorizar a continuidade do projeto de pesquisa sobre redução de danos do uso de ecstasy. A decisão, tomada nessa quarta-feira, reverte suspensão de verbas emitida anteriormente pelo presidente da instituição, Carlos Vogt, depois de denúncias de estímulo ao uso da droga em folheto explicativo sobre como consumir ecstasy com menos riscos à saúde. As informações são da Folha de S.Paulo.

"A idéia do projeto era exatamente avaliar o impacto dessas informações no comportamento dos usuários da droga", diz a professora Maria Teresa Araujo Silva, da Universidade de São Paulo (USP).

Redação Terra