Notícia

Universia Brasil

Fapesp aumenta prazo de bolsa de pesquisa no exterior

Publicado em 19 outubro 2009

A BPE (bolsa de pesquisa no exterior) concedida pela Fapesp (Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo) foi ampliada de cinco para doze meses pelo Conselho técnico-administrativo do órgão. A intenção é aumentar as possibilidades de colaboração científica entre pesquisadores de São Paulo e de centros de pesquisa no exterior.

Essa modalidade de bolsa volta-se a pesquisadores que detenham título de doutor ou que tenham qualificação equivalente. Essa informação tem que ser comprovada por súmula curricular. Os candidatos devem estar dedicados à realização de atividades de pesquisa em instituição no exterior. Também é necessário, para concorrer às BPEs, que o candidato tenha vínculo empregatício com instituição de pesquisa no Estado de São Paulo. É preciso, ainda, que a instituição no exterior aceite o programa de bolsa da Fapesp e tenha liderança internacional na área de pesquisa.

As BPEs da Fapesp têm fluxo contínuo. Ou seja, aceitam inscrições durante todo o ano. O valor da bolsa é de US$ 2.200 por mês. Quando as propostas tratam de projetos a serem desenvolvidos em países europeus ou asiáticos, o valor da bolsa é acrescido de 20%.

Informações adicionais sobre as bolsas de pesquisa no exterior e sobre como se candidatar ao benefício podem ser obtidas no site da Fapesp (www.fapesp.br)