Notícia

Jornal Brasil

FAPESP anuncia 44 projetos aprovados no 2º Ciclo de 2015 do PIPE

Publicado em 09 outubro 2015

A FAPESP anunciou no dia 8 de outubro os 44 projetos de pesquisa selecionados no 2º ciclo do Programa Pesquisa Inovativa em Pequenas Empresas (PIPE) em 2015

 

O anúncio, realizado na sede da Fundação, reuniu 150 pesquisadores e representantes de empresas em cerimônia que contou com a presença do vice-governador e secretário de Desenvolvimento Econômico, Ciência e Tecnologia de São Paulo, Márcio França, do presidente da FAPESP, José Goldemberg, do diretor-presidente do Conselho Técnico-Administrativo da FAPESP, José Arana Varela, e do diretor científico da Fundação, Carlos Henrique de Brito Cruz.

 

Goldemberg afirmou que o PIPE é “o melhor exemplo” de que a FAPESP apoia pesquisas que fazem avançar o conhecimento, mas também está atenta para estimular projetos que gerem benefícios para a sociedade.

 

Lembrando que “São Paulo é responsável por três quartos de tudo o que o Brasil faz em matéria de pesquisa e desenvolvimento”, França sublinhou que o governo do Estado quer incrementar, cada vez mais, programas como o PIPE, em que a pesquisa necessariamente deverá resultar em produtos e processos que “beneficiam as pessoas”, além de gerar empregos qualificados.

 

O PIPE foi criado em 1997 com o objetivo de estimular a inovação em micro e pequenas empresas sediadas no Estado de São Paulo. Desde então, já apoiou 1.421 projetos – cerca de três por semana, em média. “Os projetos aprovados devem ter potencial de retorno comercial, aumentar a competitividade da empresa e estimular a criação de uma cultura de inovação permanente”, afirmou Brito Cruz.

 

O PIPE financia até R$ 1,2 milhão por projeto, não prevê contrapartida da empresa, mas exige que o pesquisador principal esteja vinculado à empresa.

 

Em sua apresentação, Brito Cruz citou resultados de estudo realizado em 2011 por pesquisadores do Departamento de Política Científica e Tecnológica da Universidade Estadual de Campinas (Unicamp) liderados por Sérgio Salles-Filho, que comparou resultado do PIPE da FAPESP com um programa semelhante, o Small Business Innovation Research (SBIR) da National Science Foundation (NSF).

 

“Nos dois casos, 40% dos projetos geraram receita a partir dos resultados, 30% dos projetos geraram patentes e cerca de 50% mobilizaram também outras fontes de recursos”, afirmou Brito. Segundo a pesquisa, metade dos projetos apoiados não teria sido implementada sem os recursos do PIPE – no caso do SBIR essa fração seria dois terços.

 

Pelo menos 85% das empresas apoiadas pelo PIPE usaram conhecimento ou tecnologia de universidades, especialmente as públicas, 53% mantinham relações informais com universidades e 75% delas utilizaram equipamentos de universidades. No caso do SBIR, 33% das empresas tinham interação com universidades e mais de 67% contavam com um fundador egresso da academia.

 

A principal diferença entre os dois programas surge quando se compara o percentual de projetos que receberam venture capital – 12% entre as empresas do PIPE e 25% entre as do SBIR – e os que resultaram em exploração da propriedade intelectual – 4% entre as empresas do PIPE e 16% entre as do SBIR.

 

Brito Cruz acrescentou que a taxa de mortalidade das empresas PIPE após o termino do projeto é de 8%, “muito abaixo dos 70% apontados pelo Sebrae para empresas de base tecnológica no Brasil“, sublinhou. Esse percentual sobe para 22% quando se observam as empresas que foram criadas para submeterem projetos ao PIPE.

 

O impacto no nível de emprego das empresas envolvidas também é expressivo: aumento de 40% na massa de recursos humanos (contratados, terceirizados e bolsistas), incremento de quase 30% no pessoal contratado diretamente, até um ano após o encerramento do projeto, crescimento de 60% do pessoal de nível superior e de mais de 90% do pessoal com pós-graduação.

 

"O cálculo dos impactos econômicos do PIPE aponta, ainda, um retorno de 11 vezes o valor investido pela FAPESP. Considerando o faturamento e os investimentos realizados pela FAPESP e por outras fontes, esse programa tem se mostrado não só de alto retorno, mas também de retorno crescente", disse Brito Cruz.

 

Demandas tecnológicas

 

Brito Cruz acrescentou que o PIPE se articula com demandas específicas do desenvolvimento tecnológico, citando o exemplo do PIPE Venture, associado ao Fundo de Inovação Paulista, liderado pelo Desenvolve SP, e que conta com a participação da FAPESP, da Financiadora de Estudos e Projetos (Finep) e do Banco de Desenvolvimento da América Latina (CAF).

 

Mencionou também o PIPE-PAPPE Sirius, resultado de um edital lançado pela FAPESP e Finep para a seleção de micro, pequenas e médias empresas qualificadas para o desenvolvimento de peças, produtos, processos e serviços de Sirus, a nova fonte brasileira de luz síncrotron, em construção no Laboratório Nacional de Luz Síncrotron (LNLS), em Campinas.

 

No primeiro edital, com recursos da ordem de R$ 40 milhões, divididos entre a FAPESP e a Finep, foram selecionados 13 projetos, quie serão desenvolvidos por oito empresas – Equatorial Sistemas, Luxtec Sistemas Ópticos, Omnisys Engenharia, Atmos Sistemas, FCA Brasil Indústria Comércio e Usinagem de Peças, Macnica DHW, Opto Eletrônica S.A. e Engecer. O segundo edital está aberto, com prazo de recebimento de propostas até 27 de novembro.

 

Também está aberto o edital PIPE-PAPPE Manufatura Avançada, parceria FAPESP e Finep, por meio do qual se apoiará o desenvolvimento por empresas paulistas de produtos, processos e serviços inovadores, visando ao fortalecimento e à qualificação em manufatura avançada das cadeias produtivas da indústria aeroespacial e de defesa do Estado de São Paulo. O prazo para recebimento de propostas também é 27 de novembro. “A reunião para maiores esclarecimentos sobre a chamada será no dia 16 de outubro, às 9 horas, no Parque Tecno, em São José dos Campos”, lembrou Brito Cruz.

 

FAPESP e Finep, por meio do PIPE e do Programa de Apoio à Pesquisa em Empresas – PAPPE Subvenção, lançam chamadas de propostas para apoio a micro, pequenas e médias empresas que estejam com projetos em fase de desenvolvimento comercial e industrial dos produtos e processos. A 4ª chamada está com o edital aberto e o prazo para a apresentação de propostas será até o dia 27 de novembro.

 

 

 

Projetos selecionados no 2º Ciclo de 2015 do PIPE:

Pesquisador beneficiário

Unidade de vínculo

Título do projeto

 

 

Adimara Bentivoglio Colturato

Circuitar Eletrônicos Importação e Exportação Ltda. - Me

Sistema de Auxílio a Tomada de Decisão no Controle de Requeima em Cultivo de Tomate

 

 

Alexandre Frederico

Lal Clinica Centro de Pesquisa e Desenvolvimento Ltda. - EPP

Desenvolvimento de uma plataforma online de gerenciamento de estudos clínicos, captura de dados e gerenciamento de dados que integre o centro de pesquisa, a CRO e o patrocinador do estudo

 

 

Aline Caroline da Silva

ALK Agrícola Ltda.

Desenvolvimento de formulações para controle deLeucocoprinus birnbaunii em viveiros de citros

 

 

Andreas Kaasi

EVA Scientific

Biofabricação de tecidos artificiais à base de colágeno em biorreatores feitos sob medida para medicina regenerativa e testes in vitro

 

 

Benedito Carlos da Silva

Luxray Tecnologia Ltda./Luxray

Desenvolvimento de sistema eólico autônomo de alta performance e baixo custo para geração de energia elétrica

 

 

Cassio Garkalns de Souza Oliveira

UMBU Negócios Ltda.

Desenvolvimento de processo de comunicação para aproximação das partes interessadas e promoção do consumo de produtos e serviços sustentáveis no ambiente escolar

 

 

Cristiane Maria Tibola

CL Empreendimentos Biológicos Ltda. - EPP/CL

Produção de insetos e desenvolvimento de uma nova metodologia e dispositivo para infestação artificial de experimentos a campo com ovos de lepidópteros

 

 

Daniel Pavani Vicente Alves

Salt - Sea & Limno Technology Consultoria Ambiental Ltda

Desenvolvimento de nova metodologia para batimetria multifeixe com o uso da moto aquatica: rapidez e versatilidade na coleta de dados.

 

 

Danielle Gobbi Brants

Guten Educação e Tecnologia Ltda. - EPP

Personalização da leitura por meio de ferramentas de classificação automática de complexidade e adaptação textual: leitura em níveis crescentes de dificuldade para alunos do ensino fundamental

 

 

Diego Fiori de Carvalho

Innolution Sistemas de Informática Ltda.

SIPRAD: Sistema de Planejamento Radioterápico

 

 

Eduardo Ribeiro da Silva

Bradar Indústria S.A.

GRADE - Radar Meteorológico Rotativo utilizando Arc-SAR

 

 

Fernando Hiroshi Endo

One Sports Ltda. ME

Sistema de monitoramento georreferenciado para jogadores de futebol

 

 

Flavio Barbosa

Ciaware Centro de Informatizações e Analises Ltda.

Desenvolvimento de plataforma computacional e aplicativos moveis para captura e gerenciamento de documentos de saúde em suporte papel e nato-digitais em conformidade com a legislação brasileira (SBIS/CFM/CONARQ) e aderência a lei americana HIPAA

 

 

Henrique Quero Polli

Empresa não constituída

Sistema RIA (Rich Internet Application) para planejamento, gestão e popularização de arborização urbana.

 

 

Hermes Arytto Salles Kamimura

Figlabs Pesquisa e Desenvolvimento S.A.

Dispositivo portátil para análise preditiva de pressão acústica de transdutores de ultrassom

 

 

Jeferson Preti

Citi Industrial Systems Ltda.

Desenvolvimento de AGV tipo paleteira com sistema de registro de trajetórias por repetição de movimentos com autonomia de operação e sustentabilidade energética

 

 

João Felipe Miserochi de Oliveira Lins

Empresa não constituída

Automação residencial modular, de baixo custo, controlada pelo celular.

 

 

João Roberto Moreira Neto

Bradar Indústria S.A.

Placa de Aquisição e Processamento Digital de Sinais - SPOS2

 

 

José Francisco Marciano Motta

Minaplan Comercio e Serviços Ltda. - EPP

Uso de diopsidito como corpo moedor para moinhos de bola

 

 

Karel Negrin Napoles

Keme Cientifica - Desenvolvimento E Comercio De Instrumentos Ltda.

Titulador digital

 

 

Keila Keiko Matsumura

Naked Monkey Ltda. - Me

Análise de viabilidade técnico-científica de um sistema de realidade virtual imersivo síncrono e multiusuário sobre a pré-história brasileira para aplicações em museus e escolas

 

 

Kerly Fernanda Mesquita Pasqualoto

SZ Serviços Químicos Farmacêuticos Ltda.

Planejamento e desenvolvimento de nova entidade química como potencial inibidor de braf v600e para tratamento do melanoma

 

 

Luis Antonio Peroni

Rheabiotech Desenvolvimento Produção Comercial Produtos Biotecnologia Ltda.

Produção da proteína STC1 e anticorpos monoclonais para fins terapêuticos ou de acompanhamento da resposta clínica na leucemia linfoide aguda

 

 

Luis Carlos Pasquale Rosa

Seip7 Industria E Comercio De Maquinas Ltda. - Me

SMAA 7-Sistema de Monitoramento Ambiental Aquático .

 

 

Luiz Otavio Lamardo Alves Silva

Mvisia Comercio Equipamentos Eletrônicos Inovadores Ltda. ME

Desenvolvimento de máquina para inspeção e controle de qualidade de mudas florestais

 

 

Marcos Tadeu dos Santos

Empresa não constituída

Classificação molecular de nódulos tireoidianos indeterminados através de microRNA profiling

 

 

Marcus Henrique Victor Junior

Selaz-Industria e Comercio de Aparelhos Biomecânicos Ltda.

Fixador Externo Automático

 

 

Matheus Caruso Parizotto

Marquesparizotto Engenharia S/S

Unidade móvel, autônoma, automatizada e remotamente monitorada para tratamento de esgoto e geração de água de reuso por meio de vermifiltração com pós tratamento físico-químico

 

 

Maurício Andrea Andrioli

Engrenar Engenharia e Projetos Ltda.

GREG: acessibilidade ao currículo na sala de aula

 

 

Milton Flávio de Macedo

Aura Indústria e Comércio de Equipamentos Médicos E Eletrônicos Ltda.

Processo de fabricação de nanofibras biopoliméricas aplicadas em dispositivos médicos

 

 

Paula Rodrigues Furtado

MUPI Tecnologia e Serviços de Informação Ltda. - ME/MUPI

Sistema educacional online para o ensino híbrido

 

 

Paulo Cézar de Lucca

Empresa não constituída

Desenvolvimento de metodologia de produção de plantas geneticamente modificadas para aplicação em genética básica e no melhoramento vegetal.

 

 

Paulo Scarpelini Neto

ENTERUP Tecnologia em Sistemas Ltda.

Framework híbrido de recomendação para o setor imobiliário baseado em informações geográficas e conjuntos big data

 

 

Pedro Tabacof

I Systems Automação Indústria S A/ISAI

Controle preditivo de bombas hidráulicas em sistemas de distribuição de água por otimização de modelos dinâmicos

 

 

Rafael Frascino Cassaro

Bioativos Naturais Ltda. Me

Influência do pré-tratamento da biomassa na extração por CO2 supercrítico: preservação dos ativos de alto valor agregado e redução de custos de processo

 

 

Rafael Vicente de Pádua Ferreira

Itatijuca Biotech Ltda. - EPP

Processo inovador de tratamento de efluentes e/ou resíduos sólidos contendo cianeto

 

 

Ricardo Doll Lahuerta

Virtualcae Comercio e Serviços de Sistemas Ltda. - EPP

Virtual Pyxis Software

 

 

Roberto Castro Júnior

Ventrix Holding S.A./Ventrix

iECG - Eletrocardiógrafo Miniaturizado para monitorização médica remota

 

 

Rosana Maria Alberici Oliveira

Soraya El-Khatib - EPP/Sdc

Aproveitamento do extrato residual de Artemisia annua L., resultante da extração do sesquiterpeno antimalárico, em aplicações cosméticas.

 

 

Silmara das Neves

IQX - Inove Qualyx Tecnologia e Desenvolvimento em Resinas Ltda./IQX

Pesquisa e desenvolvimento visando à produção de masterbatches condutivos para indústria de transformação de polímeros

 

 

Thiago Alberto Cabral da Cruz

Dietech Automação Industrial e Robótica Ltda.

Desenvolvimento de uma rede de sensores-controladores sem fio para o monitoramento de conteúdo de água no solo para o manejo de irrigação

 

 

Tiago Zanett Albertini

Tech - Inovações Tecnológicas para a Agropecuária Ltda.

BeefTrader: plataforma de inteligência de informações de mercado para a maximização do lucro de produtores e da indústria frigorífica

 

 

Wilson de Carvalho Junior

Brphotonics Produtos Optoeletrônicos Ltda./Brphotonics

Laser de cavidade externa em fotônica em silício com faixa de sintonia ultra larga para aplicações em sistemas DWDM

 

 

Yoav Steinmetz

Yechi Com Loc Distribuidora Importadora Exportadora Produtos Geral

Solução inteligente de auto-atendimento para fornecimento automatizado de refeições completas.