Notícia

FAPEG - Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de Goiás

Fapeg e Fapesp lançam chamada para pesquisa colaborativa

Publicado em 20 setembro 2019

As Fundações de Amparo à Pesquisa dos Estados de Goiás (Fapeg) e de São Paulo (Fapesp) lançaram uma Chamada de Propostas que abrirá oportunidade de pesquisa colaborativa entre pesquisadores vinculados a Instituições de Ensino Superior de ambos os Estados em diversas áreas do conhecimento. A Chamada foi publicada nesta quarta-feira, dia 18 de setembro, no site da Fapeg com o intuito de fomentar o desenvolvimento de parcerias científicas e o fortalecimento de redes de pesquisa colaborativa envolvendo os estados de Goiás e de São Paulo.

Os pesquisadores do Estado de Goiás interessados em participar já podem enviar suas propostas que deverão ser feitas, exclusivamente, pelo sistema OPP-Fapeg (http://www.fapeg.go.gov.br/oppfapeg), sob a forma de projeto de pesquisa. A chamada estabelece o dia 1º de novembro de 2019 como prazo final para submissão das propostas, que devem ser assinadas por dois pesquisadores responsáveis, um de São Paulo e outro de Goiás, os quais devem elaborar conjuntamente o projeto de pesquisa.

Serão financiados projetos colaborativos, com 24 meses de duração, que contribuam para o avanço do conhecimento científico e tecnológico em Goiás e São Paulo. A Fapeg fará um aporte de até R$ 1 milhão, destinando, no máximo, R$ 100 mil para cada projeto de pesquisa aprovado. Por sua vez, a Fapesp fará o aporte necessário para acomodar o número de propostas possíveis dentro do orçamento da Fapeg, permitindo um valor máximo de R$ 200 mil por proposta. A Fapeg poderá conceder até dez bolsas em nível mestrado, limitada uma por projeto.

Fapeg e Fapesp receberão propostas de pesquisas em todas as áreas do conhecimento e que abranjam conhecimentos avançados em ao menos um dos seguintes temas: Fármacos, Biotecnologia, Biodiversidade, Engenharia de alimentos, Resíduos sólidos, Inteligência artificial, Internet das Coisas, Mineração e, Sistema de Geração, Armazenamento e Recuperação de Energia.

Elegibilidade

O proponente do Estado de Goiás deve ser brasileiro ou estrangeiro em situação regular no País, com vínculo empregatício em Instituição de Ensino Superior ou Instituto de Ciência e Tecnologia, com sede no Estado de Goiás, pública ou privada sem fins lucrativos; possuir título de doutor, qualificação e experiência em pesquisa e desenvolvimento na área do projeto, e possuir currículo atualizado na Plataforma Lattes do CNPq.

Para pesquisadores de Goiás o prazo para submissão de propostas já está aberto, exclusivamente pelo sistema OPP-Fapeg. Na Fapesp as propostas devem seguir as normas e condições da modalidade Auxílio à Pesquisa – Regular (www.fapesp.br/apr) além das orientações específicas desta chamada de propostas. A submissão deve ser feita exclusivamente através do sistema SAGe (www.fapesp.br/sage) através do seguinte caminho específico: Nova Proposta Inicial > + Outras Linhas de Fomento > + Acordos de Cooperação > + FAPs + FAPEG – Projeto de Pesquisa – Regular > Chamada de Propostas (2019).

O pesquisador parceiro do Estado de Goiás precisa se cadastrar no sistema SAGe para que possa ser indicado na proposta como membro da equipe: o cadastro deve ser feito através da opção “Sem cadastro?” da tela inicial, sendo que somente os campos indicados por asterisco ( “*”) devem ser necessariamente preenchidos. Da mesma forma, o pesquisador parceiro de São Paulo deve se cadastrar no OPP-Fapeg (http://www.fapeg.go.gov.br/oppfapeg), por meio da opção “CADASTRE-SE”, para que possa ser indicado na proposta como membro da equipe.

Será aceita apenas uma proposta por proponente. A divulgação do resultado preliminar pela Fapeg, conforme o edital, será a partir do dia 31 de janeiro de 2020, com prazo de cinco dias úteis após a divulgação preliminar para interposição de recurso administrativo, que poderá ser feito exclusivamente pela plataforma OPP-Fapeg. O resultado final deverá ser divulgado a partir de 6 de abril de 2020 e a contratação dos contemplados será por meio de assinatura de Termo de Outorga.

Essa notícia também repercutiu nos veículos:
Confap - Conselho Nacional das Fundações Estaduais de Amparo à Pesquisa