Notícia

Plantão News (MT)

Expomafe destaca a manufatura avançada

Publicado em 11 maio 2017

Foi inaugurada nesta terça-feira (9/5), em São Paulo, a Feira Internacional de Máquinas-Ferramenta e Automação Industrial (Expomafe). Na cerimônia de abertura, com a presença de Geraldo Alckmin, governador do Estado de São Paulo, e de José Goldemberg, presidente da FAPESP, foi destacado o apoio da Fapesp para o desenvolvimento da manufatura avançada.

“O cantor Milton Nascimento disse que o artista tem de ir aonde o povo está. E uma fundação de amparo à pesquisa deve estar onde a indústria está. A Fapesp vai pôr recursos para estimular a manufatura avançada”, disse Alckmin na inauguração do evento que vai até o próximo sábado (13), no São Paulo Expo Exhibition and Convention Center.

Na próxima quinta-feira (11), a Fapesp anunciará na Expomafe a intenção de celebrar acordos de cooperação científica e tecnológica para criar novos Centros de Pesquisa em Engenharia nos temas de Manufatura Avançada. O anúncio será feito por Carlos Américo Pacheco, diretor-presidente da Fapesp.

A Fapesp receberá, pelo prazo de 90 dias, propostas de empresas ou consórcios de empresas interessados em celebrar acordos dessa natureza. O consórcio de empresas ou a empresa que vier a ser selecionado firmará com a FAPESP um acordo de cooperação. Em seguida, será lançada chamada para seleção de proposta para o Centro de Pesquisa em Engenharia em Manufatura Avançada.

Os Centros de Pesquisa em Engenharia são unidades sediadas em universidades ou institutos de pesquisa e criadas com financiamento da Fapesp em parceria com empresas. Atualmente, a Fapesp apoia cinco outros Centros, em parceria com GSK, Peugeot-Citroën, BG/Shell e Natura.

Os Centros de Pesquisa em Engenharia são uma adaptação – para a pesquisa colaborativa com empresas – do programa CEPID (Centros de Pesquisa, Inovação e Difusão), que conta atualmente com 17 centros.

No Centro de Pesquisa em Engenharia em Manufatura Avançada será feito o desenvolvimento e a utilização de tecnologias que viabilizem a otimização das plantas fabris e a extensão de aplicações integradas em toda a cadeia de valor e ciclo de vida do produto.

Um exemplo de como essas inovações podem funcionar está presente na Expomafe. Em um dos estandes foi instalado o Demonstrador de Manufatura Avançada, uma linha de montagem que executa as operações de forma coordenada e totalmente autônoma.

Na linha de demonstração, serão produzidas 600 unidades de porta-celulares customizados. Com isso, o visitante poderá ver o funcionamento de uma fábrica que apresenta mecanismos da indústria 4.0, como a customização.

Os produtos serão fabricados a partir de um pedido feito pelo QR-Code oferecido aos visitantes. O sistema faz a leitura do código enviado por e-mail na tela do smartphone do visitante, que pode escolher a cor e o modelo do porta-celular. Por fim, o visitante se identifica pelo mesmo QR-Code para retirar de um braço mecânico seu produto personalizado.

O projeto foi desenvolvido pela Associação Brasileira da Indústria de Máquinas e Equipamentos (Abimaq) em parceria e com o apoio de 20 empresas, seis startups, o Senai-SP, o Instituto Mauá de Tecnologia, o Centro Universitário FEI, a Agência Brasileira de Desenvolvimento Industrial (ABDI), a Financiadora de Estudos e Projetos (Finep) e a Fapesp.

Uma das startups é a VirtualCAE, empresa de soluções especializadas em CAE (Computer Aided Engineering). A empresa está na Expomafe apresentando produtos como o Virtual Pyxis, um software para análise de otimização topológica cujo desenvolvimento tem apoio da FAPESP por meio do programa Fapesp Pesquisa Inovativa em Pequenas Empresas (PIPE).

Durante a visita de Alckmin ao espaço da Abimaq para as startups, Leandro Garbin, diretor comercial da VirtualCAE, fez questão de destacar ao governador a importância do apoio da Fapesp para a empresa.

No dia 12, na Expomafe, haverá palestra, às 12h30, de Elson Longo e Ernesto Chaves Pereira, pesquisadores do Centro de Pesquisa para o Desenvolvimento de Materiais Funcionais (CDMF), um CEPID da Fapesp. O tema da palestra será “Como agregar valor ao seu produto utilizando conhecimento dos cientistas”.

Mais informações: www.expomafe.com.br.

Agência Fapesp