Notícia

Médico Repórter

Exercícios moderados para depressão em obesos

Publicado em 01 março 2006

Um estudo realizado pela Universidade Federal de São Paulo (Unifesp), com a participação das Faculdades Integradas de Santo André, do Instituto do Sono e dos Centros de Pesquisa, Inovação e Difusão, da Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo (FAPESP), descobriu que os exercícios físicos moderados podem ajudar no combate à depressão em pacientes obesos. A pesquisa mostra que atividades aeróbicas com consumo moderado de oxigênio, como pedalar, parecem ser eficientes na queima de gordura e na melhora do estado do paciente obeso adolescente, podendo ser indicadas como coadjuvantes no tratamento da depressão e da ansiedade. Outros trabalhos realizados sugerem que mais de 80% dos adolescentes obesos no Brasil têm depressão. Para o estudo da Unifesp foram analisados 40 adolescentes, com idades entre 14 e 19 anos. Entre os jovens avaliados, o grupo que se concentrou em exercícios moderados foi o obteve maiores benefícios.