Notícia

Terra

Evento tem novidades da pós-colheita de frutas e hortaliças

Publicado em 13 maio 2013

Com o tema “Internacionalizar para não perecer", o 4º Simpósio Brasileiro de Pós-Colheita de Frutas, Hortaliças e Flores apresenta tendências a produtores desses setores e promove o compartilhamento do conhecimento produzido no Brasil e no mundo. Realizado no Centro de Convenções de Ribeirão Preto (SP), o simpósio começou no último domingo e segue até a próxima quinta-feira, dia 16 de maio.

Para a internacionalização do conhecimento, o evento conta com representantes de instituições de ensino do País e do exterior. “O critério de escolha dos pesquisadores foi um histórico de parceria científica com o Brasil e o destaque deles nas temáticas pós-colheita. Os produtores ficarão extremamente atualizados sobre as tendências dos setores”, afirma, em entrevista ao Terra, o presidente do evento, Dr. Gustavo Henrique de Almeida Teixeira, que é professor da USP. Ao todo, Teixeira espera mais de 300 participantes ao longo da semana.

Importância

O pós-colheita é o conjunto de técnicas para conservar e armazenar produtos agrícolas depois de colhidos até o consumo ou processamento. De acordo com a Embrapa Instrumentação, que ministra curso sobre o assunto em São Bernardo (SP), o desconhecimento no manejo de frutas e hortaliças depois da colheita acarreta perdas de 20% a 30% da produção no País. Assim, simpósios como esse se miram em exemplos como o da Espanha e dos Estados Unidos, onde se prima pela geração e compartilhamento do conhecimento entre produtores em cursos e eventos de networking.

Entre os temas das palestras, encontram-se: novas aplicações para o controle de temperaturas na pós-colheita, problemas e soluções no manejo de plantas ornamentais, novas tendências na tecnologia e na fisiologia da pós-colheita, amadurecimento e regulação hormonal, crescimento bacteriano e bloqueio vascular durante a pós-colheita de gérberas e rosas de corte e mitos e realidades da embalagem em atmosfera modificada de frutas minimamente processadas.

O Simpósio está inserido na estratégia do Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq), que vem destinando recursos substanciais a programas como o "Ciência sem Fronteiras", que busca promover a consolidação, expansão e internacionalização da ciência e tecnologia, da inovação e da competitividade brasileira por meio do intercâmbio internacional.

O evento é organizado pela Faculdade de Ciências Farmacêuticas de Ribeirão Preto, da USP, em parceria com a Embrapa Roraima e a Unesp Jabocaticabal, com o apoio do governo do Estado de São Paulo por meio da Fapesp, do CNPQ e do Capes.

Palestrantes

Dr. Ian Ferguson

Editor-chefe da revista Postharvest Biology and Technology.

Auckland, Nova Zelândia, pesquisador-chefe do "Plant and Food Research".

Profa. Dra. Maria Isabel Fernandes Chitarra

Pós-doutorado em pós-colheita de frutas e hortaliças pela Universidade da Califórnia, nos EUA.

Prof. Dr. Steven Sargent

University of Florida, Horticultural Science Department, nos EUA.

Prof. Dr. Wouter van Doorn

University of California - UCDavis, nos EUA.

Prof. Dr. Eduardo Purgatto

Professor da Faculdade de Ciências Farmacêuticas (FCF) - Universidade de São Paulo.

Dr. Lluís Palou

Centre de Tecnologia Postcollita - Institut Valencià dInvestigacions Agràries, em Valência, na Espanha.

Prof. Dr. Juan Pablo Zoffoli

Pontificia Universidad Católica de Chile, em Santiago, no Chile.

Prof. Dr. Bart Nicolaï

Flanders Centre of Postharvest Technology BIOSYST-MeBioS, Katholieke Universiteit Leuven

Prof. Dr. Luiz Carlos Argenta

Pesquisador Empresa de Pesquisa Agropecuária e Extensão Rural de Santa Catarina - EPAGRI

Prof. Dr. Domingos Almeida

Universidade do Porto, em Portugal.

Prof. Dr. Juliano Lemos Bicas

Professor da Universidade Federal de São João Del Rei (UFSJ)

Dr. Odílio Benedito Garrido de Assis

Pesquisador da EMBRAPA Instrumentação Agropecuária, São Carlos.

Prof. Dr. Cesar Valmor Rombaldi (UFPEL)

Professor da Universidade Federal de Pelotas - UFPEL.

GHX Comunicação