Notícia

Portal EBC (Empresa Brasil de Comunicação)

EUA publica pesquisa brasileira sobre consórcio de café com macadâmia

Publicado em 02 março 2017

O Brasil Rural desta quinta-feira (2) fala sobre a produção consorciada, ou seja, de plantio em conjunto do café com a macadâmia. Para saber qual deles rende mais e quais são os benefícios em se plantar a macadâmia juntamente as lavouras de café, conversamos com o pesquisador Rogério Soratto.

Diretamente de Botucatu (SP), ele repercute sua pesquisa sobre o tema publicado na mídia especializada norte-americana com apoio da Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo (FAPESP).

O projeto discute, entre outros temas, os impactos negativos da monocultura do café que levam a erosão do solo e ao alto custo da produção. O experimento, conduzido na região de Dois Córregos, São Paulo, mostrou que o consórcio elevou em 10% a produção do arábica sem irrigação, ou seja, somente com a água das chuvas. A irrigação por gotejamento também aumentou os rendimentos de café e macadâmia.

"O experimento ainda está em andamento, mas temos tido resultados interessantes até o 8º ano de produção. A partir desse ponto é preciso que o produtor tome uma decisão: tirar o café e deixar a macadâmia ou fazer podas mais drásticas na macadâmia, porque uma hora esse consórcio torna-se inviável!", explica Soratto, que é também professor de Agronomia da Universidade Estadual Paulista (Unesp).

O Brasil Rural vai ao ar às 6h, de segunda à sexta, e às 7h no sábado, pela Rádio Nacional AM Brasília.