Notícia

Portal Exame

Estudo traz novos alvos para o tratamento da esquizofrenia

Publicado em 17 dezembro 2015

Por Karina Toledo, da Agência FAPESP
Ao avaliar amostras de sangue de portadores de esquizofrenia antes e depois do tratamento com antipsicóticos, pesquisadores da Universidade Estadual de Campinas (Unicamp) identificaram um conjunto de proteínas que é modulado de forma diferente pelas drogas nos pacientes que respondem à terapia em comparação aos que não respondem. Segundo os autores, essas moléculas diferencialmente expressas nos dois grupos de pacientes representam potenciais alvos a serem explorados na busca de novos fármacos contra a doença. A relação completa [...]

Conteúdo na íntegra disponível para assinantes do veículo.