Notícia

A Crítica (AM) online

Estudo reforça a importância da Amazônia na regulação da química atmosférica

Publicado em 29 maio 2017

Medições aéreas feitas no âmbito da campanha científica Green Ocean Amazon Experiment (GOAmazon) revelaram que a floresta amazônica emite pelo menos três vezes mais isopreno do que estimavam os cientistas. Segundo os pesquisadores, a substância interfere no balanço de gases de efeito estufa na atmosfera. Conforme Paulo Artaxo, professor do Instituto de Física da Universidade de São Paulo (IF-USP) e coautor do estudo, a substância é considerada um dos principais precursores do ozônio na Amazônia e, de forma indireta, interfere [...]

Conteúdo na íntegra disponível para assinantes do veículo.