Notícia

Agora São Paulo

Estudo mostra como cigarro causa artrite

Publicado em 09 março 2011

Um mecanismo que desencadeia a artrite reumatóide em fumantes foi identificado por pesquisa da Faculdade de Medicina de Ribeirão Preto, da USP Universidade de São Paulo . Já se sabia que quem tem predisposição genética e fuma pode sofrer dessa doença inflamatória crônica, que causa dores e rigidez matinal nas mãos e nos pés. Agora, o estudo do biomédico Jhimmy Talbolt revela como isso acontece. Quando a pessoa fuma, uma das células do sistema de defesa -a TH17- é sensibilizada e fica doente. Ao ser estimulada pelos hidrocarbonetos aromáticos da fumaça, a TH17 passa a orientar o sistema de defesa a destruir articulações das mãos, pés, joelhos, punhos, cotovelos e tornozelo. A pesquisa, financiada por CNPPq e Fapesp, acompanhou, por dois anos, 138 pacientes com artrite reumatóide metade fumante e um grupo-controle com 129 pessoas sadias. O resultado pode levar a uma droga que reduza os sintomas ou até interrompa a deterioração das articulações.