Notícia

Verguia

Estudo indica que pessoas que tiveram AVC têm mais risco de infarto

Publicado em 07 outubro 2021

Indivíduos que sofreram acidente vascular cerebral (AVC) apresentam maior risco de infarto. Um estudo recente da Faculdade de Medicina da Medicina da Universidade de São Paulo (FM-USP) feito com 120 pacientes e publicado na revista Cardiology and Cardiovascular Medicine mostra que existe relação entre o histórico de AVC isquêmico (quando o fluxo sanguíneo no cérebro é obstruído em razão de coágulo) e o risco de outras doenças vasculares, incluindo infarto do miocárdio e novas ocorrências de AVC, duas doenças que estão entre as principais causas de morte no Brasil.

No Hospital das Clínicas da FM-USP, os cientistas analisaram um padrão chamado “escore de cálcio”- indicador de risco de depósito de gordura nas artérias do coração calculado por meio da análise de imagens obtidas por meio de tomografia – em 80 pacientes que tiveram AVC isquêmico e em 40 voluntários sem registro da doença.

“Dentre os pacientes que tiveram AVC, 85% apresentaram um escore de cálcio acima de zero, contra 57,5% dos indivíduos sem AVC”, disse Ana Luíza Vieira de Araújo, autora do estudo, realizado durante seu doutorado na FM-USP.

"Dentre os pacientes que tiveram AVC, 85% tiveram um escore de cálcio acima de zero, em contraste com 57,5% dos indivíduos sem AVC. Pacientes com AVC e placas de aterosclerose em artérias cervicais e intracranianas tiveram os escores de cálcio mais altos que os demais participantes da pesquisa. Isso não quer dizer que essas pessoas terão necessariamente um infarto ou outro AVC, mas o fato de terem esse resultado mesmo já fazendo tratamento para evitar o problema acende um alerta", diz à Agência FAPESP Ana Luíza Vieira de Araújo, primeira autora do estudo, realizado durante seu doutorado na FM-USP.

O trabalho integra um projeto financiado pela FAPESP e coordenado por Adriana Bastos Conforto, livre-docente e orientadora de pós-graduação da FM-USP.

“Hoje, os pacientes que tiveram AVC têm indicação de medicamentos que por si só deveriam prevenir a doença coronária. São controlados fatores de risco para aterosclerose, como hipertensão arterial e diabetes. Mesmo assim, eles tiveram um escore de cálcio que sugere uma maior propensão a um novo AVC ou a um infarto”, explica Conforto.

O estudo foi coorientado por Márcio Sommer Bittencourt, médico do Hospital Universitário (HU) da USP.

O cálcio é um componente natural do sangue e sua circulação pelas veias e artérias é normal. O mineral pode se acumular em placas de aterosclerose, doença que causa enrijecimento das artérias e favorece sua obstrução por coágulos (trombose).

Nesses casos, ocorre a diminuição do fluxo de sangue para órgãos como o coração (levando a infarto do miocárdio) ou o cérebro (levando ao AVC isquêmico). Essas doenças estão entre as principais causas de morte no Brasil.

Acompanhamento de pacientes

A pesquisa chama a atenção para a necessidade de um acompanhamento mais atento dessas pessoas, que têm risco aumentado de sofrer um novo AVC ou um infarto.

“Pacientes que tiveram AVC muitas vezes apresentam sequelas cognitivas e têm dificuldade de aderir ao tratamento. Os resultados sugerem que eles precisariam ser acompanhados mais de perto, por exemplo, pelos profissionais do Programa de Saúde da Família do SUS [Sistema Único de Saúde]. Essa e outras estratégias poderiam evitar que morressem de problemas cardíacos, mesmo tendo sobrevivido ao AVC”, diz Conforto.

As doenças cardiovasculares são a maior causa de morte no mundo, segundo a OMS (Organização Mundial da Saúde). Entre os casos de AVC, 85% são isquêmicos e, desses, entre 20% e 25% são causados por aterosclerose. Em países desenvolvidos, programas baseados na adesão ao tratamento e na melhoria do estilo de vida tiveram uma redução no número de mortes.

“No Brasil, esse é um problema de saúde pública sério e precisa ter uma atenção diferenciada”, afirma a pesquisadora.

Um sinal da prevalência do problema é que, durante o estudo, parte do grupo usado como controle, sem histórico de AVC, também apresentou fatores de risco para aterosclerose. Ainda que tivessem menos propensão do que os que haviam tido acidente vascular cerebral, o grupo de voluntários “saudáveis” apresentou, em sua maioria, escores de cálcio maiores do que zero, o que é um indicador de risco.

“Muitos só descobriram que tinham diabetes ou colesterol alto por conta do estudo”, conta Araújo.

Além do acompanhamento dos pacientes com maior risco, as pesquisadoras apontam como possibilidade o uso de medicamentos mais potentes no grupo que teve aterosclerose em duas artérias e, portanto, apresentou maior predisposição para a doença coronária.

O trabalho poderia servir de base para estudos clínicos com esse grupo e, dependendo dos resultados, a posterior adoção dos fármacos pelo sistema público de saúde.

Por Agencia Fapesp

Essa notícia também repercutiu nos veículos:
Veja online Portal R7 Folha.com UOL Portal da TV Cultura Jovem Pan Folha de S. Paulo Baiano News Barreiras Notícias RBR Notícias Rádio Jaraguar Meio Norte online (Piauí) Jornal Integração Porto Alegre 24 Horas FOCEP Brasil Saense Zero Hora online Dom Total Portal Neo Mondo Pelo Mundo DF Xingu 230 Sistema Provincia Campo Belo em Foco Acontece no RS Diário D4 Notícias Toni Rodrigues Oeste 360 Portal Afunilados Novo Cantu Notícias Grava News - Jornal de Alfenas Noticias de Contagem online Revista Pará A Crítica (AM) online Bahia.ba Andaiá FM Rádio Costa Sul FM Rádio Vale FM 102,3 (Bahia) Leiamais.ba Vitat Portal da Enfermagem Quimiweb Jornal Cidade - Rio Claro Tribuna Paulista Tribuna Paulista TV & VC? Rádio Uau Litoral de Fato Notícias Brasil Portal de Notícias Virou Manchete Jeremoabo.com.br Zatum Poder no Quadrado Blog Jornal da Mulher Barretos News Metro Jornal online Panorâmica News Jornal de Itatiba online Roraima na Rede DF Agora Potengi na Internet Boqnews NewsWep Beto Ribeiro Repórter BandMulti Espaço Ecológico no Ar Canaltech RP10 Diário do Pará online Sul News Oficial News N5 Notícias MaisAM BSB Digital Folha da Minha Sampa Passando na Hora DF O Correspondente Notícias da Sua Cidade ID Brasil Garanhuns Notícias Garanhuns Notícias Jornal o Brasiliense Mustach Garça em Foco TV Caparaó Informação ao Minuto Agora ES online Bomba Bomba Extra News MS Agora TS MaisAM Dia a Dia Nordeste Relata Bahia Saúde em Tela Últimas Notícias do Brasil! O Correspondente TV Brusque Gazeta Costa Sul SaúdeMS Saúde Brasília MSN Portal do Governo do Estado de São Paulo Alagoas Agora online Jornal A Voz do Povo online (Uberlândia, MG) Novo Cantu Notícias Relato News Mirante da Bocaina Diário em Foco Campo Belo em Foco O Repórter Regional online TV Interbam Alvo Notícias Portal Altônia Informativo Astral Conexão Na Cidade Penha News Mix Vale Antenados Oeste 360 Blog Saúde e Dicas Cruzeiro do Sul online Jornal Cidade (Barreiras, BA) online São Bento em Foco