Notícia

UNICAMP - Universidade Estadual de Campinas

Estudo desvenda como hormônio aumenta o acúmulo de açúcar na cana

Publicado em 07 abril 2017

Nos canaviais no Brasil é comum a aplicação na cana de reguladores de crescimento ou maturadores químicos, análogos aos hormônios vegetais, com o objetivo de acelerar e aumentar o amadurecimento (acúmulo de sacarose) e inibir o florescimento da planta para prolongar os períodos de colheita e moagem e, dessa forma, aumentar a produtividade e os ganhos econômicos dos canavieiros.

Um grupo de pesquisadores do Instituto de Biologia da Universidade Estadual de Campinas (Unicamp), em colaboração com colegas do Instituto Agronômico (IAC) e do Instituto de Química da Universidade de São Paulo (IQ-USP), desvendou, agora, como um desses hormônios age em nível molecular na cana, contribuindo para aumentar o armazenamento de sacarose na planta.

Resultado da pesquisa de doutorado da estudante Camila Pinto da Cunha, realizada com Bolsa da FAPESP, e de um projeto apoiado pela Fundação no âmbito do Programa de Pesquisa em Bioenergia (BIOEN), o estudo foi publicado na revista Scientific Reports, do grupo Nature.

Leia notícia na página da Agência Fapesp