Notícia

UDOP - União dos Produtores de Bioenergia

Estudo de biocombustíveis para aviação avaliará várias matérias-primas  

Publicado em 27 outubro 2011

- Várias fontes de matérias-primas serão estudadas no Brasil para o desenvolvimento de biocombustíveis para aviões. A afirmação é do presidente da Boeing Internacional, Shep Hill, presente em evento em São Paulo.

"A ideia é usar combustíveis de fontes renováveis que vão substituindo os de fontes fósseis", afirmou o executivo.

O estudo para o desenvolvimento combustíveis renováveis para o setor de aviação, que será realizado pela Boeing, a Embraer e a Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo (Fapesp), envolverá a identificação de diferentes fontes de biomassa. Os executivos citaram como matérias-primas de alto potencial a cana-de-açúcar e a alga.

Hoje, as três empresas assinaram a intenção de uma parceria no setor. Conforme adiantou o Valor, as companhias realizarão por nove meses um estudo detalhado sobre as possibilidades de se criar no país uma indústria de biocombustíveis para aviação.




Fonte: Valor Online