Notícia

Portal Exame

Estudo da USP pode ajudar a tratar infecção em diabéticos

Publicado em 03 março 2015

Por Karina Toledo, da Agência FAPESP
Uma nova estratégia com potencial para tratar sepse em portadores de diabetes do tipo 1 foi proposta por pesquisadores da Universidade de São Paulo (USP) em artigo publicado na revista Science Signaling. Em experimentos com camundongos diabéticos, o grupo do Instituto de Ciências Biomédicas (ICB-USP) conseguiu reduzir em 40% a mortalidade por sepse ao tratar os animais com uma substância capaz de inibir a síntese de um mediador inflamatório conhecido como leucotrieno B4 (LTB4). Drogas semelhantes já são usadas no combate à asma e [...]

Conteúdo na íntegra disponível para assinantes do veículo.