Notícia

Portal Exame

Estudo avalia sensibilidade de protocolo no autismo

Publicado em 08 abril 2014

Por Karina Toledo, da Agência FAPESP
São Paulo – Um estudo em andamento no Instituto de Psicologia da Universidade de São Paulo (IP-USP) busca avaliar se um instrumento conhecido como Indicadores Clínicos de Risco para o Desenvolvimento Infantil (IRDI) pode ajudar profissionais de saúde da atenção básica a identificar sinais iniciais associados a transtornos do espectro do autismo (TEA). Resultados preliminares da pesquisa, coordenada pelo professor do IP-USP Rogerio Lerner no âmbito de um acordo de cooperação entre a FAPESP e a Fundação Maria Cecília Souto [...]

Conteúdo na íntegra disponível para assinantes do veículo.