Notícia

SRZD - Sidney Rezende

Estudo aponta que internação por Covid-19 é 34% menor em pessoas que praticam exercícios

Publicado em 23 novembro 2020

Por Redação SRzd

Praticar atividades físicas reduz as chances de a pessoa ser hospitalizada se contrair Covid-19. Essa conclusão é de uma pesquisa feita on-line com 938 brasileiros que contraíram a doença e apontou que a necessidade de internação entre aqueles considerados “suficientemente ativos” foi 34,3% menor do que aqueles que não tinham essa condição.

Foram qualificados como “suficientemente ativos” os voluntários do estudo que, antes da pandemia, praticavam semanalmente ao menos 150 minutos de atividade física aeróbica de intensidade moderada ou 75 minutos de alta intensidade. Esse critério usou como base as recomendações da Organização Mundial da Saúde (OMS).

O questionário foi respondido on-line entre junho e agosto por voluntários de diversas idades e ambos os sexos. Todos tiveram a Covid-19 confirmada por testes do tipo RT-PCR – aquele do cotonete “gigante”, que detecta o vírus na fase ativa – ou sorológico – que identifica anticorpos contra o Sars-Cov-2.

O resultado mostrou que apenas 91 dos participantes (9,7%) precisaram ser internados. E a prevalência de hospitalização foi maior entre os homens, os idosos (65 anos ou mais), os voluntários obesos ou com sobrepeso e os de menor nível socioeconômico e menor escolaridade. No entanto, após descontar a influência desses fatores, por meio de modelos estatísticos, no resultado final, os pesquisadores identificaram uma redução de 34,3% na prevalência de hospitalização no grupo “suficientemente ativo”.

O questionário aplicado no estudo trazia perguntas sobre o quadro clínico do voluntário quando teve Covid-19 (sintomas, medicamentos e tempo de internação no caso daqueles que foram hospitalizados). Além disso, incluía fatores que podiam influir na infecção, como idade, sexo, Índice de Massa Corporal (IMC), doenças preexistentes, condições socioeconômicas, escolaridade, consumo de tabaco e nível de atividade física.

Os dados completos do estudo foram publicados em um artigo na plataforma médica Medrvix, ainda sem revisão por pares. O estudo teve apoio da Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo (Fapesp).

Essa notícia também repercutiu nos veículos:
UOL Portal R7 Estadão.com CNN (Brasil) TV Cultura Portal Exame TV Cultura Jornal do Commercio (PE) A Crítica (AM) Jornal Primeira Página Revista Pará Portal da Enfermagem Refugo Revista Viva Saúde online Portal Neo Mondo Planeta online Jornal da Ciência online Blog Saúde e Dicas El Cronista Comercial (Argentina) online Revista Fórum online Blog A Crítica Imagen Poblana (México) El Heraldo de Saltillo (México) online Arzo News Agora RN online Opinião (Rio Branco, Acre) online Coluna Supinando Terra Galileu online MSN Xinhua Español (China) Todo Segundo Time 24 News (EUA) Metropóles Veja Saúde online O Sul online Revista China Hoy (México) online Blog do Silvinho Rádio Cidade Jundiaí Blog do Valente Biblioteca FMUSP Head Topics (Reino Unido) MSN GP1 Head Topics (Reino Unido) Noticias RTV (Espanha) InterD Repórter MT Núcleo - Luciano Lepera - Rede PT Portal Prudentino TV Assembleia - Assembleia Legislativa do Piauí (Alepi) NE10 Jornal Times Brasília Dom Total Blog Hourpress i7 News Índices Bovespa Folhamax Mix Vale Portal do Governo do Estado de São Paulo O Taboanense Saber Atualizado Sou Ecológico Revista Ecológico online Bomba Bomba Notícias Botucatu Diário do Taboão PPTA Soluções e Tecnologia Bomba Bomba Câmara Municipal de São Paulo A Cidade On (São Carlos, SP) São Carlos Agora Acontece Botucatu Jornal Folha da Terra (Itupeva, SP) online Jornal da Orla online Plantão News (MT) Jornal de Itatiba online Ouro Verde Mais O Grande ABC Guarulhos em Destaque APM- Associação Paulista de Medicina Terra Brasil Notícias O Sul Folha de Ibitinga Jornal Primeira Página online Beto Ribeiro Repórter Vida & Tal Leia Já Cuidaí Brasil123 Sempre Família Auge Magazine Valeando Jornal A Cidade Ubatuba Tribuna Liberal online Tribuna Liberal Jornal Primeira Página online Info Rondônia Esportividade