Notícia

Agência C&T (MCTI)

Equipe brasileira é campeã da 13° Olimpíada Ibero-Americana de Física

Publicado em 09 outubro 2008

Na 13° Olimpíada Ibero-Americana de Física, que foi realizada na cidade de Morélia, no México, de 28 de setembro a 3 de outubro, a equipe brasileira foi campeã. Este ano a Olimpíada Ibero-Americana contou com a participação de 68 estudantes do ensino médio de 19 países. Além de ganhar três medalhas de ouro e uma de prata, a equipe brasileira obteve a melhor nota nas provas experimental e teórica e a primeira posição na classificação geral. Os contemplados com medalha de ouro foram os cearenses George Gondim Ribeiro e Mariana Quezado Costa Lima e o paulista Leonardo Mendes Valerio Almeida. Já a prata ficou com Deric de Albuquerque Simão, outro cearense. Mariana obteve a melhor nota na prova teórica e na classificação geral. Já George se destacou na prova experimental.

Neste evento, que ocorre anualmente em todo o país, são selecionados os alunos que participam das competições internacionais de física. Os quatro estudantes que participaram da 13° Olimpíada Ibero-Americana de Física foram selecionados na Olimpíada Brasileira de Física (OBF) de 2006.

OBF

A OBF tem como objetivo principal despertar e estimular o interesse pela física e por outras áreas da ciência, além de incentivar os estudantes a seguirem carreiras científico-tecnológicas.

A OBF, que está em sua 10ª edição, teve este ano uma participação recorde de 619.141 estudantes do último ano do ensino fundamental e das três séries do ensino médio, de 4.529 escolas de todo o país. No ano passado, foram 129.268 alunos de 3.445 escolas.

Mais informações, pelos telefones (11) 5549-1863 e 5081-5237.

(Com informações da Agência Fapesp)