Notícia

Revista Museu

Encontros em São Paulo discutem história da arte brasileira

Publicado em 08 novembro 2011

São Paulo - Começa nesta terça-feira (8/11) na Biblioteca Mário de Andrade um ciclo de palestras, que desenvolve o tema "História(s) da arte no Brasil: do século 19 à primeira metade do século 20", com curadoria e mediação do pesquisador em artes visuais Thiago Gil. Os palestrantes debaterão a crítica e a atuação de instituições de preservação, divulgação e legitimação de bens para a construção da história no país

Em um ciclo de palestras que se começa nesta terça-feira (8/11), a Biblioteca Mário de Andrade desenvolve o tema "História(s) da arte no Brasil: do século 19 à primeira metade do século 20", programação que tem curadoria e mediação do pesquisador em artes visuais Thiago Gil.

O evento pretende explorar obras e autores já conhecidos e evidenciar a infinidade de narrativas existentes sobre a arte no Brasil. Os palestrantes debaterão também a crítica e a atuação de instituições de preservação, divulgação e legitimação de bens para a construção da história no país.

Nesta primeira fase, serão quatro encontros. Cada um deles contará com a presença de dois palestrantes que abordarão temas distintos. A etapa inicial abrange o período de 1840 a 1940, pontuada a partir do trabalho de Araújo Porto Alegre, e o assunto final trata das publicações e da atuação do Instituto do Serviço do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (Sphan).

Participam do evento o curador Tadeu Chiarelli, curador-chefe do MAM-SP, a historiadora Letícia Squeff , a professora Ana Cavalcanti, entre outros convidados. A segunda parte do ciclo está programada para o primeiro semestre de 2012.

Serviço:

Biblioteca Mário de Andrade. Rua da Consolação, 94, Consolação, Centro.

Tel. 3256-5270.

Sábados - Dias 8, 10, 22 e 24.

Grátis.

Veja a programação completa:

ESCOLA BRASILEIRA DE PINTURA

Com Leticia Squeff (autora dos livros "O Brasil nas Letras de um Pintor: Manuel de Araújo Porto Alegre", Unicamp/2004, e "Uma Galeria para o Império: a Coleção de Quadros Nacionais Formando a Escola Brasileira (1879)", Edusp/no prelo).

Tema: "Do cume dos Andes ao centro das florestas virgens: Araújo Porto Alegre (1806-79), a escola brasileira e a construção de uma cultura figurativa para o Império".

Com Ana Cavalcanti (professora de história da arte na Escola de Belas Artes da Universidade Federal do Rio de Janeiro).

Tema: "Entre versões e contradições: historiografia da arte brasileira no século 19".

Palestras seguidas.

Dia 8, das 19h às 21h

CRÍTICA DE ARTE COMO HISTORIOGRAFIA

Com Vera Lins (professora da Faculdade de Letras da UFRJ e autora do livro "Gonzaga Duque: a Estratégia do Franco Atirador", Tempo Brasileiro, 1991).

Tema: "Gonzaga Duque: Histórias de Literatura e Artes Plásticas".

Com Tadeu Chiarelli (curador, professor no departamento de artes plásticas da ECA/USP e autor do livro "Arte Internacional Brasileira", Lemos/1999).

Tema: "Félix Ferreira e a arte brasileira no século 19".

Palestras seguidas.

Dia 10, das 19h às 21h

DISCURSO PAULISTA

Com Alexander Gaiotto Miyoshi (mestre e doutor em história da arte pelo Instituto de Filosofia e Ciências Humanas da Unicamp e pós-doutorando em artes visuais na ECA/USP).

Tema: "Primeiros anos da Pinacoteca do Estado: Cesário Motta Júnior e a formação do acervo (1893-1905)".

Com Miyoko Makino (ex-diretora técnica da divisão de difusão cultural do Museu Paulista, entre os anos de 1991 e 2006).

Tema: "Afonso de Escragnolle Taunay: contribuição para história da arte e a formação da coleção iconográfica do Museu Paulista (1917-1945)".

Palestras seguidas.

Dia 22, das 19h às 21h.

BARROCO, NACIONAL, MODERNO

Com Antonio Gilberto Ramos Nogueira (professor do programa de pós graduação em história social da Universidade Federal do Ceará e autor do livro "Por um Inventário dos Sentidos: Mário de Andrade e a Concepção de Patrimônio e Inventário", Hucitec/Fapesp/2005).

Tema: "Mário de Andrade e a arte patrimonial: história e historiografia da arte no Brasil".

Com Letícia Julião (professora adjunta do curso de museologia da Escola de Ciência da Informação da UFMG).

Tema: "Patrimônio da nação: a brasilidade redesenhada pelo Sphan".

Palestras seguidas.

Dia 24, das 19h às 21h.

Fonte: Prefeitura de SP