Notícia

Correio Braziliense

Encontrada camisinha de 2.500 anos

Publicado em 28 fevereiro 1996

Bonn - Já no sexto século antes de Cristo os homens usavam preservativos como método anticoncepcional e para prevenir a transmissão de doenças. A descoberta foi feita por um grupo de arqueólogos alemães da Universidade de Marburgo, que encontraram um preservativo de cerca de 2.500 anos. O preservativo foi achado numa mina de sal em Hallstein, Áustria, numa área que entre os anos de 800 e 450 antes de Cristo passou por uma fase de grande expansão econômica graças às fontes de ouro branco e sal, que contribuíram para conservar [...]

Conteúdo na íntegra disponível para assinantes do veículo.