Notícia

JC e-mail

Empresas vão bancar genoma do eucalipto

Publicado em 30 novembro 2001

A Fundação de Amparo à Pesquisa de SP (Fapesp) anuncia segunda-feira um consórcio empresarial para o Seqüenciamento do DNA do eucalipto. Parte da iniciativa será financiada pela indústria de papel e celulose, com recursos das empresas Votorantim, Ripasa, Suzano e Duratex. O projeto foi chamado de ForESTs, abreviação inventada para o nome oficial Eucalyptus Genome Sequencing Project Consortium (Consórcio do Projeto de Seqüenciamento do Genoma do Eucalipto, em inglês). Pretende identificar genes ativos em raízes, caule, folhas e flores da planta, para obter informações na expectativa de entender problemas ecológicos e de qualidade da madeira. O eucalipto é o quinto projeto genoma da Fapesp, entre eles o da bactéria Xylella fastidiosa. (Folha de SP, 30/11)