Notícia

Folha da Região (Araçatuba, SP)

Empresa fornecerá ventiladores pulmonares ao Ministério da Saúde

Publicado em 15 abril 2020

Por Da Redação

A empresa paulista Magnamed assinou, na última A quarta-feira (8), um contrato com o Ministério da Saúde para fornecer 6,5 mil ventiladores pulmonares até agosto de 2020. O acordo busca atender o aumento da demanda dos hospitais no Brasil pelo equipamento, essencial ao tratamento de pacientes com covid-19 ( doença causada pelo novo coronavírus) em estado grave. Para atingir essa meta, a empresa contará com parcerias com um grupo de empresas, composto pela Positivo, Suzano, Klabin, Embraer, Flext ron ics, Fiat Chrysler e White Martins.

“ Sentimo nos honrados em poder ajudar o País nesse momento. Isso só será possível graças às parcerias ”, disse em nota à imprensa Wataru Ueda, CEO da Magnamed. O ventilador pulmonar de emergência, batizado de OxyMag, foi desenvolvido com apoio do Programa Fapesp Pesquisa Inovativa em Pequenas Empresas (Pipe), entre 2006 e 2012, iniciativa da Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo.

“ A Magnamed ilustra os benefícios para a sociedade de se ter em São Paulo o ITA[ Instituto Tecnológico de Aeronáutica], a USP[ Universidade de São Paulo], o Cietec[ Centro de Inovação, Empreendedorismo e Tecnologia) e a Fapesp ”, afirmou Carlos Henrique de Brito Cruz, diretor científico da Fundação, em entrevista à Agência Fapesp. “ Formar engenheiros nos melhores referenciais mundiais dá retorno social, apoiar pesquisa excelente dá retorno social e estimular pequenas empresas de base tecnológica dá retorno social. O estoque de capacitação tecnológica em São Paulo está se mobilizando de forma exemplar para contribuir no enfrentamento da crise pandêmica ”, acrescentou o diretor científico.