Notícia

Central das Notícias

Educação, política e pesquisa são foco do instituto do legislativo paulista

Publicado em 27 janeiro 2020

Por Luiz Rheda

Com o objetivo de fomentar a produção de conhecimento e a troca de experiências entre a sociedade e seus representantes, o Instituto do Legislativo Paulista (ILP) ofereceu, ao longo do ano passado, 68 eventos abertos e gratuitos aos cidadãos. Foram realizados, na sede do Palácio 9 de Julho, encontros como ciclos de debates, seminários, palestras, cursos e aulas, sobre diversos temas contemporâneos.

Para cumprir e aperfeiçoar ainda mais suas atividades de ensino, o Instituto celebra convênios com universidades e entidades privadas e estatais. Uma das parcerias firmadas em 2019 foi com a Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo (Fapesp), que realizou um ciclo de palestras ao longo do ano.

Dentre os temas discutidos estão: fake news, pesquisa e inovação, envelhecimento, dependência química e gestão de resíduos. Durante a palestra que debateu as novas perspectivas de sustentabilidade para o país, o diretor-presidente do ILP, Vinicius Schurgelies, disse ser preciso "tratar melhor a gestão de resíduos, principalmente quando pensamos no impacto em regiões metropolitanas e em áreas de proteção ambiental".

Em parceria com a Associação Paulista do Ministério Público (APMP) e a Escola do Parlamento da Câmara Municipal de São Paulo, o ILP realizou um evento em comemoração aos 30 anos da Constituição Estadual. A cerimônia, batizada de Um Novo Pacto Federativo, contou com a presença de inúmeras autoridades que debateram sobre os avanços e as inovações da Carta Magna.

Ao comentar o pioneirismo do Estado ao elaborar a Constituição, o ex-governador Luiz Antônio Fleury Filho, presente na ocasião, afirmou que "São Paulo sempre foi pioneiro em matéria de garantias do Ministério Público. Essa Constituição consagrou no Estado tudo aquilo que a Constituição de 1988 já havia colocado em nível federal, um ano antes".

Cerimonial

Voltado ao aperfeiçoamento de servidores, o curso de Cerimonial Público, realizado em maio, teve quatro aulas que abordaram temas como protocolo, organização de eventos, noções de etiquetas, símbolos nacionais, dentre outros.

"A iniciativa do ILP foi muito importante para levar aos municípios e câmaras municipais subsídios para um cerimonial público de mais qualidade", afirmou o jornalista Léo Lucas que participou do evento.

O Instituto realizou ainda um ciclo de Formação em Marketing Político que contou com aulas de especialistas vindos de diversos lugares do país. Ao todo, foram 13 encontros em que se debateu estratégia, comunicação e mobilização durante as eleições. Com foco nas regras do pleito de 2020, aconteceu uma palestra sobre o papel da Justiça Eleitoral nas eleições municipais. Presente no evento, o secretário de Desenvolvimento Regional, Marco Vinholi, disse que eventos como esse "fortalecem a democracia e faz com que as pessoas estejam antenadas cada vez mais".

Além disso, o ILP elaborou, em parceria com a Fundação Sistema Estadual de Análise de Dados Estatísticos (Seade) - referência nacional na produção de análises e estatísticas socioeconômicas e demográficas - a décima edição do Índice Paulista de Responsabilidade Social (IPRS) divulgado no mês dezembro. Criado em 2001, o indicador mede o desenvolvimento humano dos municípios do Estado. O objetivo do IPRS é orientar os gestores públicos no direcionamento de políticas públicas em áreas com maior demanda. O presidente da Assembleia Legislativa, Cauê Macris, destacou o papel do índice. "Além das nossas atividades, do debate dos projetos de lei, também precisamos pensar no futuro e planejar. O planejamento é o que leva a melhorar".

Em 2020 serão ofertados novos cursos e qualquer cidadão pode participar, basta acompanhar a programação e se inscrever pelo site www.al.sp.gov.br/ilp.

Todos os participantes recebem certificados de horas assistidas.

Essa notícia também repercutiu nos veículos:
Jornal dos Concursos e Empregos online Concurso e Apostilas Jornais Virtuais