Notícia

Estadão.com

E-Science resgata pesquisadores do ‘dilúvio’ de dados

Publicado em 04 outubro 2012

Para se fazer ciência até os anos 1990, um aluno tinha muito que estudar. Com base em suas leituras e análise de outros trabalhos, ele deveria propor uma hipótese, realizar uma infinidade de experimentos e mensurar seus resultados para, com uma dose de perspicácia, transformar suas suspeitas em uma teoria. Nos anos 2000, com a democratização da informática, das redes e a multiplicação de fontes de informações, o caminho pelas etapas do método científico continua semelhante, mas o volume de dados com que é preciso trabalhar [...]

Conteúdo na íntegra disponível para assinantes do veículo.