Notícia

Boa Vontade

É possível reverter o processo de aquecimento do planeta?

Publicado em 28 abril 2016

Por Cris Haidar

"Nossa, que calor!". Quantas vezes ouvimos, nos últimos anos, essa frase? Pessoas em várias partes do mundo vêm sofrendo com as altas temperaturas, e há tempos as estações do ano não são como eram antigamente. Aí fica a pergunta: o que aconteceu com o clima?

Segundo a Nasa, o ano de 2015 foi apontado como o mais quente já registrado. Se nada for feito, nos próximos anos, indicam especialistas, a temperatura média da Terra, que antes se fixava em torno dos 14 graus, irá subir relativamente — o que já vem ocorrendo. No ano passado, a temperatura se elevou 1.02 grau em relação ao início da Revolução Industrial, um crescimento muito significativo.

Essa problemática se valida quando olhamos o que vem ocorrendo no Brasil nos últimos tempos. Cheias no Rio Madeira, no Norte do País, ciclone na capital federal, tornado em Santa Catarina e a grande seca que atinge a região Sudeste, em especial São Paulo. Por estar situado numa região privilegiada, o Brasil sempre se destacou por não sofrer grandes catástrofes, mas esse privilégio, infelizmente, parece estar chegando ao fim. As razões são óbvias: as despreocupadas ações humanas, como a emissão de gases poluentes na camada de ozônio e o desmatamento de grandes florestas, fazem com que as mudanças climáticas se acentuem em grande escala.

A Humanidade, portanto, precisará mudar muitos hábitos para melhorar a saúde do Planeta e principalmente reconhecer que seus recursos não são infinitos. Um maior aproveitamento dos recursos naturais, reciclagem e fim do desmatamento, por exemplo, são algumas das atitudes que já conhecemos, mas nem sempre praticamos, por isso é tempo de agir!

Para falar sobre o tema, o programa Biosfera, transmitido pela Boa Vontade TV, entrevistou vários especialistas, entre eles: Carlos Nobre, presidente da Capes; José Goldenberg, professor e presidente da Fapesp; Bárbara Rubim, coordenadora da Campanha de Clima e Energia do Greenpeace Brasil, Carlos Ritti, secretário-executivo do Observatório do Clima; e Paulo Saldiva, médico patologista e coordenador do Laboratório de Poluição Atmosférica da USP.

Não deixe de acompanhar a entrevista na íntegra pela Boa Vontade TV (canal 196 da Claro TV e da NET; canal 212 Oi TV; 45.1 TV aberta digital em São Paulo/SP). Em outras regiões do país confira a abrangência completa no site: www.boavontade.com/tv.

* Cris Haidar é colaboradora do Portal Boa Vontade