Notícia

Portal Fator Brasil

Docente da UFSCar lança livro sobre o cotidiano em assentamento rural

Publicado em 12 junho 2012

Neste mês de junho, acontece o lançamento do livro "Processo organizativo de assentamentos rurais: trabalho, condições de vida e subjetividades", escrito pela docente Rosemeire Aparecida Scopinho, do Departamento de Psicologia da Universidade Federal de São Carlos (UFSCar). A obra reflete os estudos desenvolvidos pela autora acerca do processo organizativo do Assentamento Sepé Tiaraju, localizado em Serra Azul-SP. Os trabalhos fizeram parte da participação da docente no Programa Jovem Pesquisador da Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo (Fapesp) e refletem os impactos da organização do trabalho e outras dimensões da vida cotidiana realizadas sob os princípios da cooperação autogestionária e da agroecologia nas condições de vida dos trabalhadores rurais assentados.

Entendendo o assentamento como uma totalidade que envolve múltiplos aspectos da vida humana, dentre eles a educação, a formação política, os cuidados com a saúde e o meio ambiente, e apoiada numa perspectiva metodológica inspirada na etnografia, a autora foca sua análise na riqueza e efervescência do cotidiano deste campo de pesquisa – condição necessária para perceber a lógica do processo organizativo, não perdendo de vista os condicionantes estruturais que fazem (ou não) da reforma agrária uma estratégia de luta pela melhoria das condições de vida dos trabalhadores rurais na região de Ribeirão Preto.

O livro será lançado no mês de junho durante o V Encontro da Rede de Estudos Rurais, que acontece entre os dias 3 e 6 de junho , em Belém-PA; no XIV Simpósio da Associação Nacional de Pesquisa, Ensino e Pós-Graduação em Psicologia, organizado nos dias 6 a 9 de junho, em Belo Horizonte-MG; e no 1º Encontro de Saberes, promovido pelo Núcleo Multidisciplinar e Integrado de Economia Solidária da UFSCar, que acontece no dia 12 de junho, em São Carlos. [ www.annablume.com.br].