Notícia

Saúde Informações

Descansando os antebraços

Publicado em 19 abril 2006

Agência FAPESP
Descansar os antebraços em apoios que estejam retos e paralelos ao chão. Essa é a melhor maneira de evitar dores musculares nas mãos, braços, pulsos, pescoço e ombros, segundo estudo publicado nesta terça-feira (18/4) pelo periódico The British Journal of Occupational and Environment Medicine. Os autores da pesquisa, da Universidade da Califórnia em São Francisco, nos Estados Unidos, investigaram, ao longo de um ano, 182 pessoas. A equipe comparou o comportamento dos que usaram suportes com outros que não utilizaram nenhum tipo de equipamento. Um terceiro grupo tentou reduzir o desconforto muscular por meio dos trackballs, equipamento parecido com o mouse, mas com uma grande bola para mover o cursor na tela. Do ponto de vista estatístico, entretanto, esse instrumento não apresentou nenhuma vantagem. As análises dos questionários respondidos pelos quatro grupos (o quarto alternou os descansos de braço com os trackballs) mostraram reduções bastante significativas no grupo que usou apenas os apoios. No caso específico das dores no pescoço e nos ombros, o uso dos suportes diminuiu as reclamações dos entrevistados em 50%. Além do apoio, o artigo - que também mostra que financeiramente as empresas que comprarem tais suportes para os antebraços terão um retorno do investimento em menos de 11 meses - lembra de medidas consagradas para quem usa muito o computador em seu dia-a-dia. O teclado e o mouse devem ficar em distâncias que não exigem esticar demais o braço para usá-los. As costas precisam estar retas e os glúteos paralelos ao chão. O centro do monitor deve formar também um ângulo de 15º abaixo da linha de visão.