Notícia

Portal Exame

Desacoplar neurônios pode ser estratégia de neuroproteção

Publicado em 26 setembro 2012

Por Fábio de Castro, da Agência FAPESP
São Paulo - Além das conhecidas sinapses químicas - que permitem a interação entre as células nervosas, envolvendo neurotransmissores e receptores -, os neurônios também se comunicam com sinapses elétricas. Nesse tipo de sinapse, correntes de íons passam diretamente de uma célula a outra por meio de canais conhecidos como "junções comunicantes", produzindo um acoplamento entre os neurônios. Uma pesquisa realizada por pesquisadores brasileiros mostrou que desacoplar os neurônios pode ser uma estratégia simples e eficaz para a [...]

Conteúdo na íntegra disponível para assinantes do veículo.