Notícia

Cultivar

Curso de Engenharia de Produção do campus Sorocaba recebe nota máxima do MEC

Publicado em 12 abril 2011

O curso de Engenharia de Produção do campus Sorocaba da UFSCar recebeu a nota máxima após avaliação pelo Ministério da Educação (MEC). A melhor nota (5) foi concedida nos três quesitos analisados pelo Ministério: projeto pedagógico, instalações (laboratórios e salas de aula) e qualificação do corpo docente. Este é o segundo curso do campus Sorocaba avaliado com nota máxima pela MEC; o curso de Turismo também recebeu nota 5 em avaliação recém divulgada.

Para a professora e coordenadora do curso, Juliana Veiga Mendes, essa avaliação é o reconhecimento do trabalho, dedicação e o comprometimento de todo o corpo docente com o projeto pedagógico do curso, o ensino, a pesquisa e a execução dos projetos de extensão. Para a docente, durante sua jornada acadêmica o aluno deve ter a oportunidade de desenvolver atividades relacionadas à pesquisa e à extensão, além das atividades de ensino abordadas de forma integrada. "Todos esses aspectos são fundamentais no processo de formação para o atual mercado de trabalho", observa. "A nota do MEC dá continuidade ao processo de consolidação do curso, reafirmando o que já vem ocorrendo na prática. A grande maioria dos alunos formados na primeira turma do curso já está empregada", relata Mendes. A primeira turma do curso de Engenharia de Produção teve início em 2006 e a formatura aconteceu no ano passado.

O curso oferece aos seus alunos uma sólida formação científica e profissional, promovendo uma capacitação que os ajuda a identificar, formular e solucionar problemas ligados às atividades de projeto, operação e gerenciamento do trabalho e de sistemas de produção de bens e serviços, considerando seus aspectos humanos, econômicos, sociais e ambientais, com visão ética e humanista no atendimento às demandas da sociedade. O objetivo é desenvolver no aluno habilidades que o transformarão num profissional diferenciado no mercado de trabalho. Dentre elas, podem ser destacadas a criatividade, a capacidade de tomar decisões e a atuação em equipes multidisciplinares. O curso oferece, anualmente, 60 vagas, em período integral, e tem duração de 10 semestres.

Para atender às exigências do mercado de trabalho, o campus Sorocaba inicia nesse ano a primeira turma do Programa de Pós-Graduação em Engenharia de Produção e possui também dois grupos de pesquisa. São professores e alunos que integram o Grupo de Estudo e Pesquisa em Inovação e Transferência Tecnológica (Gepitec) e o Grupo de Estudos de Pesquisas em Operações e Logística (Gpol). Esses grupos estão desenvolvendo projetos e pesquisas financiados pela Fapesp, CNPq, Embrapa e Ministério da Ciência e Tecnologia (MCT), dentre outros. Além disso, os docentes e pesquisadores da área de Engenharia de Produção do campus Sorocaba também cumprem um papel imprescindível nas discussões sobre a implantação do Parque Tecnológico no Município.

Mais informações obre o curso podem ser obtidas no site www.sorocaba.ufscar.br/ufscar/?curso=19.

Márcia Dias

Coordenadoria de Comunicação Social da Universidade Federal de São Carlos

(15) 3229-5940

marciadias@ufscar.br