Notícia

Portal Exame

Crostas submarinas de minérios, um tesouro a ser explorado

Publicado em 14 dezembro 2015

Por Diego Freire, da Agência FAPESP
A formação rochosa submarina conhecida como Elevação do Rio Grande, uma cordilheira de 3 mil km² no fundo do oceano Atlântico, a 1,5 mil quilômetros de distância da costa brasileira, guarda um verdadeiro tesouro em minerais e elementos químicos cada vez mais escassos na superfície terrestre – e que a ciência começa a desbravar. Um grupo de pesquisadores apoiados pela FAPESP e pelo Natural Environment Research Council (NERC), um dos conselhos de Pesquisa britânicos, deu início ao projeto Marine ferromanganese deposits – a [...]

Conteúdo na íntegra disponível para assinantes do veículo.