Notícia

Folha de S. Paulo

Crise cambial e ciência

Publicado em 15 agosto 2002

Por HERNAN CHAIMOVICH
O futuro da ciência brasileira depende das decisões a serem tomadas pela Fapesp para enfrentar a presente crise cambial. Boa parte do desenvolvimento da capacidade de produção de ciência no Brasil na última década pode ser atribuída a ação da Fapesp. Os pesquisadores do Estado de São Paulo, graças a uma política de governo que manteve o investimento no sistema de universidades públicas e institutos de pesquisa,e graças às políticas de apoio da Fapesp, construíram um sistema de ciência competitiva, que hoje começa a [...]

Conteúdo na íntegra disponível para assinantes do veículo.