Notícia

UOL

Covid: atividade física regular melhora resposta à vacina, diz estudo

Publicado em 11 agosto 2021

Por As informações são de reportagem de Karina Toledo, da Agência Fapesp

Fazer exercícios físicos regularmente não é só uma forma de manter o corpo forte e o estresse distante. O hábito pode turbinar nossa resposta às vacinas contra a Covid-19, segundo pesquisadores brasileiros.

Uma equipe da Universidade de São Paulo (USP) chegou a essa conclusão após analisar os efeitos da atividade física na resposta iunológica de mais de 1.095 voluntários, imunizados com a CoronaVac, e que tiveram amostras de sangue coletadas entre 28 e 69 dias após a segunda dose.

As informações são de reportagem de Karina Toledo, da Agência Fapesp.

Duas horas e meia por semana

O benefício foi constatado principalmente entre os participantes fisicamente ativos. Entram nessa categoria aqueles que praticam pelo menos 150 minutos de atividades físicas por semana e não passam mais de oito horas por dia sentados ou deitados, algo que caracteriza um comportamento sedentário.

Foram levadas em conta não apenas atividades físicas tradicionais (como caminhada, corrida, natação e dança), mas também exercícios realizados em momentos de lazer (como jardinagem e passeios com o cachorro), deslocamentos (ir a pé ou de bicicleta para o trabalho ou escola) e até o trabalho doméstico ou laboral (como limpar a casa, carregar peso, realizar consertos etc).

Em segundo lugar no “ranking” de melhores respostas vacinais aparecem os indivíduos ativos, mas também sedentários – aqueles que passam o dia todo sentados diante do computador, por exemplo, mas ainda assim praticam 150 minutos de atividades físicas por semana. Os inativos e sedentários foram os que apresentaram pior desempenho, ou seja, uma resposta mais baixa após terem sido vacinados.

Anticorpos contra a Covid

Vários testes de laboratório foram realizadas para determinar como cada pessoa reagiu à imunização, como a produção total de anticorpos contra o Sars-CoV-2 (IgG total) e a quantidade específica de anticorpos neutralizantes (NAb), estes capazes de impedir a entrada do vírus nas células.

Os voluntários que apresentaram no teste de IgG total ao menos 15 unidades arbitrárias de anticorpos por mililitro de sangue são os que atingiram o que os cientistas chamam de “soroconversão”. Para o teste de anticorpos neutralizantes, foi considerada positiva a resposta que envolvia ao menos 30% de inibição na ligação entre o vírus da Covid e o receptor ACE2, presente em algumas células humanas, processo que viabiliza a infecção.

Pessoas com doenças autoimunes

Um detalhe importante é que pesquisa incluiu mais de 800 pessoas com doenças autoimunes, como artrite reumatoide e lúpus (ou seja, a maioria da amostra). Por utilizarem medicamentos que interferem no sistema imunológico, elas podem ter uma resposta mais fraca às vacinas, como mostrou um trabalho anterior da mesma equipe.

A boa notícia é que, até mesmo entre esses indivíduos, a atividade física regular trouxe melhora na resposta à vacina. De acordo com o principal autor Bruno Gualano, professor da Faculdade de Medicina da USP (Universidade de São Paulo), para cada dez pessoas inativas que se soroconvertem após a imunização completa, existem 14 fisicamente ativas que têm o mesmo resultado (uma chance 1,4 maior).

Participantes com doença autoimune não tiveram melhora estatisticamente relevante em relação aos anticorpos neutralizantes, mas apresentaram aumento de 32% na quantidade de anticorpos em duas regiões da chamada “proteína spike”, usada pelo vírus para se conectar ao receptor ACE2 e entrar na célula.

Já para pessoas sem doença autoimune, a probabilidade de atingir a soroconversão foi 9,9 vezes maior, e foi observado um aumento de 26% na quantidade de anticorpos contra a proteína spike. Como esses indivíduos foram minoria, os resultados de anticorpos neutralizantes também não tiveram relevância estatística.

50 minutos ou mais

As respostas mais consistentes foram vistas entre os pacientes que realizavam 50 minutos ou mais de atividade física diariamente. Não é pouco, mas ganhar mais proteção contra o coronavírus pode ser um estímulo e tanto para quem está parado. Vale acrescentar que ser ativo fisicamente também dimiui o risco de agravamento da Covid-19. Em função de tudo isso, é fundamental que se criem políticas públicas para estimular a prática de exercícios.

Os autores do trabalho lembram, ainda, que há outros estudos mostrando que se exercitar também melhora as respostas às vacinas contra a gripe, o vírus da varicela-zoster e a doença pneumocócica. O estudo está na plataforma Research Square, para processo de revisão por pares.

Essa notícia também repercutiu nos veículos:
Folha de S. Paulo Folha.com Extra (Rio de Janeiro, RJ) Jovem Pan Portal Exame O Globo online Yahoo! Estadão.com Portal R7 Portal Prudentino Jornal da Cidade (Bauru, SP) online Portal Gongogi Portal Gongogi Repórter MT Éter 7 News eCycle Dentistas na Net Diário de Indaiatuba Dia a Dia Nordeste PavaBlog Saúde em Tela Fitness Brasil Portal Novo Norte Rádio Uau Repórter Maceió Noticia Final (Venezuela) Beto Ribeiro Repórter Acontece Agora Online Guia Viver Bem Jornal SP Norte Yahoo! Vida e Estilo Conversa ao pé da página Atibaia Nosso Goiás SBNotícias Região Noroeste Folha do ABC online Jornal de Itatiba online Guarulhos em Destaque Press From Brasil (EUA) Por dentro de tudo Gazeta da Semana Portal do Governo do Estado de São Paulo FEDAP - Fundação de Estudos para o Desenvolvimento da Administração Pública Benefícios News Ata News Mix Vale Agência de Notícias – Defesa Portal Prestação de Contas AM Acontece Botucatu Agora Região Metropóles Notícia Capital RolNews Brasil Amazônia Agora Saense Tecmundo Porto Alegre 24 Horas India Education Diary (Índia) Portal da Saúde News Saiba de Tudo Bahia e Região PPTA Soluções e Tecnologia Sintonize Aqui Blog Jornal da Mulher Consecti - Conselho Nacional de Secretários Estaduais para Assuntos de CT&I Noticias de Contagem online Revista Pará Planeta online Portal Integração MSN (Portugal) Jornal da USP online Revista Direito Hoje Ouro Preto Online MSN (Portugal) Paulopes Blog da Simone Duarte SB 24 horas Jornal Integração InfoHealth Portal da Enfermagem IG Globo Esporte online MSN Terra GP1 Blog Saúde e Dicas Noticias RTV (Espanha) Portal do Zacarias Veja Saúde online MSN Espaço Ecológico no Ar Notícias e Fatos Quimiweb GMundo News A Gazeta do Amapá Diário do Pará online Jornal da Ciência online Galileu online Atmosfera online Revista Saúde Coletiva online Meio Norte online (Piauí) Dom Total Poder360 Webrun Portal Expressão Rede TVTEC