Notícia

Rede TVTEC

Coorte do Zika Vírus Jundiaí celebra três anos de vitórias

Publicado em 14 agosto 2019

O Núcleo de Pesquisa Coorte Zika Vírus Jundiaí, do Departamento de Pediatria da Faculdade de Medicina de Jundiaí (FMJ), comemora com seus pacientes neste domingo (18), seus três anos de atividades com almoço, brincadeiras, muita música, sorteios e bolo de aniversário, das 11 às 16 horas, no Espaço Jarinu ( Avenida São Luis, 23, Jarinu). O evento tem o apoio da FMJ, Fundação de Amparo a Pesquisa do Estado de São Paulo (Fapesp) e Prefeitura de Jundiaí.

“Atividades como esta festa de terceiro ano do projeto, além de comemorar um trabalho tão gratificante, também faz parte da estratégia de aproximação entre pacientes e equipe multidisciplinar. Toda oportunidade é fundamental para desenvolver atividades de estímulo neuropsicomotor e de socialização, tentando acolher também pais e familiares que tanto se empenham nos cuidados das crianças da coorte”, explica doutor Saulo Duarte Passos, responsável pelo estudo.

A Coorte Zika Vírus Jundiaí surgiu em 2016 com a proposta de acompanhar mulheres de Jundiaí e região durante a gravidez (e após o nascimento de seus bebês) assistindo-as por um período de cinco anos. Trata-se de uma forma de estudo observacional onde um certo grupo de pessoas é acompanhado por um determinado espaço de tempo.

Na Coorte de Jundiaí mais de 780 mulheres já foram acolhidas e, hoje, seus filhos, muitos já com dois anos de vida, recebem acompanhamento interdisciplinar totalmente gratuito envolvendo pediatras, neuropediatras, enfermeiros, psicólogos, fonoaudiólogos, fisioterapeutas, odontólogos, oftalmologistas, músicos e osteopata.

Quinzenalmente, 40 crianças passam por atendimento de especialistas em esquema de ‘mutirão’. Para que o período que permaneçam em assistência seja o menos estressante possível, voluntários se revezam na prática de atividades lúdicas para entreter as crianças.

O grupo existe para entender, nos mais variados aspectos, como o vírus afetou (ou se afetou) a mulher durante a gestação, assim acompanhar o crescimento e desenvolvimento das crianças, comparando-as com outras da mesma faixa etária que não tiveram contato como o Zika Vírus.

Colaboraram para tornar possível o encontro o Tauste Supermercados, a UniFaccamp, o Espaço Jarinu, o grupo Despertalhaços, o Studio Fly e a Cake Comunicação.